-publicidade-

SURVIVING MARS | Colonize o planeta vermelho

O que conta é a capacidade de domínio das lógicas do game e uma boa gestão de recursos

O que antes apresentava a hostilidade das estranhas e emblemáticas criaturas marcianas, hoje se mostra no horizonte como uma possível colônia fora da Terra. Sim, em Surviving Mars podemos ter a chance de colonizar o planeta vermelho. O jogo da produtora Haemimont Games traz a possibilidade de se gerir uma colônia em Marte, onde cada escolha é crucial para o sucesso da empreitada.

E você ficou curioso pra saber como acontece essa colonização? Então confira os maiores detalhes desta aventura aqui, em mais uma análise do Jornada Geek!

Sobreviva em Marte, mas sem marcianos

O mais provável destino da humanidade no futuro está mais próximo do que nunca. Bem, pelo menos nos games. E Surviving Mars leva a sério a ideia da colonização, tendo ideias bem plausíveis e interessantes, que em alguns momentos até empolgam aos fãs de ficção científica como eu.

Gerir cada um dos recursos e ver redomas de vidro, robôs e tanta tecnologia são alguns dos aspectos futuristas do jogo, que não apela tanto quanto outros títulos. Aqui, o foco é exatamente a gestão, então não espere muita ação ou a criação de exércitos que lutaram ensandecidamente contra criaturas estranhas. Este definitivamente não é o ponto do jogo.

- publicidade-

Surviving Mars
Foto: Divulgação

A tecnologia chega primeiro

Os primeiros habitantes de Marte não serão os humanos, mas ferramentas criadas pelas mãos deles. São os drones, uma espécie variada de robôs que executam parte do trabalho duro, possibilitando que os imigrantes consigam sobreviver em meio a aridez e a falta de oxigênio da atmosfera marciana.

Eles são responsáveis por construir as edificações e realizar outros tantos trabalhos, recolhendo entulhos, concertando prédios, etc. São como os peões de um jogo de estratégia, mas que em muitos dos casos executam as tarefas sozinhos. Portanto, trate de deixar tudo no esquema antes dos primeiros colonos humanos chegarem, ou você causará a morte de todos eles. Aliás, quanto à isso, fique tranquilo: o jogo ajuda em boa parte das tarefas, dizendo o que você deve fazer e como. Mas nada é tão simples assim, o que pode ser um problema.

- publicidade -

Surviving Mars
Foto: Divulgação

Mão na massa

Depois de construir as estruturas básicas, você pode comunicar a base do planeta Terra para enviar os primeiros moradores ao planeta vermelho. Você inclusive pode escolher de acordo com nacionalidade, sexo e profissão, sendo um diferencial interessante.

Não só isso, depois de tudo praticamente pronto, você deverá gerenciar aspectos comuns aos vistos na Terra. Construindo escolas, segurança, plantações planejadas, fábricas, complexos de lojas, e vários outros confortos que certamente a humanidade não abandonará. Nisso, o jogo se aproxima dos outros simuladores.

Surviving Mars
Foto: Divulgação

Outro aspecto interessante é a gestão financeira. Você deve escolher bem quando solicitar materiais vindos da Terra e quando as missões chegarão para ocupar o território construído, pois os gastos são altíssimos e podem atrapalhar a empreitada caso não sejam bem planejados.

Catástrofes acontecem

- publicidade -

Elas acontecem com pouca frequência, mas são problemáticas. O caso da queda de um meteoro me chamou atenção, destruindo boa parte da colônia e assim matando muitos dos seus esperançosos moradores. Tive de optar por aumentar o turno de trabalho nas fábricas para que os sobreviventes não morressem de fome ou corressem mais riscos. É dura a ficção, e confesso que fiz isso de coração apertadíssimo, mas tal sacrifício manteve os colonos vivos e graças aos esforços de cada um deles consegui reerguer a colônia.

Sempre há o que fazer

Eu poderia resumir o jogo como lento, mas seria pouco. Mesmo tendo aceleração em três velocidades, você precisa de tempo. Tempo para construir, tempo para criar novas tecnologias, tempo para colonos e materiais chegarem da Terra. Tudo precisa de tempo e certo raciocínio. O jogo até conta com uma espécie de tutorial, mas ainda continua sendo um pouco complexo. Ou seja, precisa-se de tempo para dominar as noções básicas.

Os cidadãos são exigentes como em outros títulos, sempre pedindo uma melhoria aqui, um policiamento aprimorado acolá, mais lazer, mais isso e mais aquilo. É chato, eu sei, mas não esperaria menos. Afinal de contas, o jogo tem que nos movimentar, não é mesmo!?

Surviving Mars
Foto: Divulgação

Conclusão

Pois bem, Surviving Mars entrega um conteúdo interessante e pode proporcionar boas horas de diversão. Mas, para que isso ocorra, o jogador deve estar disposto a entender todas as dinâmicas do jogo, que não é tão fácil assim, mesmo contando com tutoriais.

Seus gráficos são simples e a física pouco faz diferença nas atitudes do jogo. Aqui, o que conta é a capacidade de domínio das lógicas do game e, mais do que isso, uma boa gestão de recursos e uma aprimorada visão a longo prazo.

De resto, pode-se considerar que a experiência em Marte simula possibilidades plausíveis em suas várias tecnologias. Resta saber se num futuro distante conseguiremos colonizar o nosso planeta vizinho.

Nota bom

Surviving Mars encontra-se disponível para PC, Linux, Mac, Xbox One e PlayStation 4. No Metacritic, sua nota na versão PC chega a 77, tendo uma boa aceitação para um título indie. Seus valores variam de R$75,49 para computadores, via Steam, R$143,50 para PlayStation 4, na PlayStation Store e R$79,00 para Xbox One, pela loja da Microsoft.

*Review elaborado usando a versão de PC do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

545,305FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
21SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,486SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: SURVIVING MARS | Colonize o planeta vermelho

Últimas Postagens

A Maldição | 8 Livros de terror que poderiam inspirar a nova temporada

Dois anos após o lançamento de A Maldição da Residência Hill, a série antológica da Netflix voltou a ser destaque por conta do seu...

Mega Tubarão 2 | Ben Wheatley será o diretor do filme

Com o seu desenvolvimento já apontado anteriormente, agora o filme Mega Tubarão 2 voltou a ganhar novidades. E como já era esperado, a mais...

Soul | Disney+ divulga novo trailer dublado da animação da Pixar

Após ter sido adiado algumas vezes ao longo dos últimos meses, a animação Soul, produzida pela Pixar, está caminhando agora para o seu lançamento já confirmado...

Battlestar Galactica ganhará filme escrito e produzido por Simon Kinberg

Começando a ganhar destaque na mídia novamente, o filme de Battlestar Galactica é alvo de novidades. E assim, agora a mais recente envolve a...

Mindhunter 3ª temporada não deve acontecer, indica David Fincher

Meses após o lançamento da sua 2ª temporada, a série Mindhunter voltou a ganhar novidades sobre o seu futuro. Contudo, a mais recente delas não é...

Superman & Lois | Stacey Farber viverá uma das vilãs da série

Após ter o seu desenvolvimento confirmado há algumas semanas, a série Superman & Lois aos poucos continua ganhando algumas novidades. E com a estreia marcada...

Liga da Justiça Snyder Cut terá o retorno de Joe Manganieelo como Exterminador

Com o seu desenvolvimento anunciado há algumas semanas, e sua estreia definida para 2021 no HBO Max, o filme Liga da Justiça Snyder Cut continua ganhando...

Dash & Lily | Assista ao trailer da nova série da Netflix

Com o seu lançamento anteriormente já confirmado para novembro, agora a série Dash & Lily teve o seu primeiro trailer completo divulgado pela Netflix. Assista: https://www.youtube.com/watch?v=rCJx5nPmRpo Sobre...