Em novembro de 2017, a Square Enix anunciou e lançou Star Ocean: The Last Hope – 4K and Full HD Remaster para PlayStation 4 e PC, via Steam. O jogo foi lançado originalmente em 2009 para Xbox 360 e em 2010 para PlayStation 3 e é um prequel da série, ou seja, os acontecimentos do game são antes da saga original.

Sendo uma boa oportunidade para os jogadores conhecerem a franquia, será que a Square acertou ao trazer o título de volta? E, se você já jogou, vale novamente o seu esforço? Vem comigo, em mais uma review do Jornada Geek!

De cara, um visual estonteante

Star Ocean: The Last Hope – 4K and Full HD Remaster chegou com a proposta de trazer um visual mais atual para um jogo de quase dez anos. E, mesmo sem ter os gráficos mais modernos da geração, o título ficou mais bonito. Tanto na ambientação, quanto no detalhe dos personagens.

Eu utilizei um PS4 padrão para a realização da análise e foi possível ver que houve uma melhora na comparação. No entanto, os melhores recursos ficaram guardados para o PS4 Pro e PCs modernos, com melhores hardwares. No próprio menu, há uma série de possibilidades que podem ser ajustadas para quem tem um videogame mais moderno: buffer de sombra, borrão de câmera, profundidade de campo, auto-sombreamento e resolução de textura. É realmente uma pena que essas mudanças não tenham chegado para todos, até porque o jogo não é pesado.

Star Ocean: The Last Hope - 4K and Full HD Remaster
Foto: Divulgação

O mesmo jogo de antes

Bom, se você jogou o lançamento original de Star Ocean: The Last Hope, não há nenhum motivo para o replay se você não for nenhum entusiasta gráfico e possuir um hardware compatível com o que o jogo deseja. Mas, como o meu objetivo é falar para quem também não jogou, vamos lá!

Star Ocean: The Last Hope – 4K and Full HD Remaster é um JRPG com elementos bastante modernos: batalhas em tempo real, câmera em terceira pessoa, mundo aberto, lindas cutscenes, momentos dramáticos e personagens memoráveis. Como é um prequel, os eventos acontecem logo após o fim da 3ª Guerra Mundial, após a guerra nuclear tornar a Terra inabitável. Edge Maverick, o protagonista, e seus amigos de infância Reimi e Crowe, são escolhidos para embarcar em uma nave espacial e encontrar um novo planeta.

Star Ocean: The Last Hope - 4K and Full HD Remaster
Foto: Divulgação

Como você pode imaginar, as coisas não deram certo, a nave foi atacada e caiu no planeta Aeos. Com monstros violentos no planeta, você assume o papel de líder e vai defender quem sobreviveu à queda, partindo em sequência para encontrar outros planetas. De forma bem clichê, a história se desenrola sem grandes surpresas e é apenas mediana. Faz o jogo andar e pronto.

Mesmo assim, o jogo é divertido. Principalmente as batalhas e as missões secundárias. É divertido ir avançando, encontrando novos planetas, conversando com os habitantes (em inglês, infelizmente) e eliminando as ameaças. O combate é desafiador, mesmo na dificuldade padrão. E evoluir os personagens é bem interessante, já que você pode distribuí-los como pontos de habilidades.

Star Ocean: The Last Hope - 4K and Full HD Remaster
Foto: Divulgação

Veredito

Star Ocean: The Last Hope – 4K and Full HD Remaster é divertido assim como a sua versão original, de quase dez anos de idade. No entanto, só novos gráficos não são suficientes para prender uma comunidade gamer sedenta por conteúdo inédito. Por mais que a questão gráfica tenha melhorado, assim como em várias outras remasterizações que foram lançadas nessa geração, somente isso não basta para convencer.

O que pode ajudar é o preço atrativo. Com quase 60 horas de gameplay (é um JRPG!), o game tem preços bastante atrativos: no PlayStation 4, via PlayStation Store, é encontrado por R$ 64,50, enquanto a versão de PC sai por R$ 39,49 na Steam.

Nota bom

Star Ocean: The Last Hope – 4K and Full HD Remaster teve avaliação média de 71 pontos no Metacritic, com as melhores opiniões da mídia internacional ressaltando a qualidade gráfica, mas criticando a falta de novidades no título.

*Review elaborado usando a versão de PS4 do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

publicidade: