-publicidade-

PES 2018 | Evolução na medida certa

Com várias melhorias em relação à edição anterior, o jogador terá muitas horas de diversão com o título

Eu tinha muitas expectativas para Pro Evolution Soccer 2018, o PES 2018. Após uma versão que, ao meu ver, não foi das melhores em 2017, a KONAMI implementou mudanças significativas na edição 2018 e trouxe mais realismo ao jogo, tanto em jogabilidade, quanto em gráficos.

Além disso, jogadores clássicos no modo myClub, o Campeonato Brasileiro novamente licenciado e o novo modo 3v3 fizeram meu hype crescer. Finalmente com o jogo em mãos, pude testar tudo o que vimos na beta online e na demo. Será que PES 2018 fez jus às expectativas criadas? A resposta você confere em mais uma análise do Jornada Geek!

“Onde as Lendas são Feitas”

O lema escolhido para PES 2018 foi “Onde as Lendas são Feitas”. Uma das definições da palavra lenda, segundo o Dicionário Aurélio, é “indivíduo conhecido por muitos e admirado pelos seus feitos, pelo seu talento ou pelo seu desempenho em determinada área.” e é justamente essa proposta que a KONAMI buscou aqui. Afinal, o que não nos falta no futebol são lendas…

PES 2018 não traz somente evoluções em jogabilidade e gráficos. Talvez esse seja o título da franquia que mais se aproxima da simulação de um jogo de futebol. Isso porque, basta a dedicação de algumas horas à partidas e táticas para entender do que eu estou falando. A ambientação, por exemplo, é incrível! A torcida está “viva”, pulando e entoando cantos de acordo com os acontecimentos em campo. Nas cenas pré-jogo, é possível ver com mais detalhes essas coisas que falamos. Tem hora que nem compensa pulá-las.

- publicidade-

PES 2018
Foto: Divulgação

Porém, é quando a bola rola que PES 2018 se destaca. Mais cadenciado, com mais opções de dribles e mais pré-definições táticas, percebe-se rapidamente que ganham-se jogos antes mesmo dele começar. Vai enfrentar uma equipe mais forte? Fecha a casinha, arma o contra-ataque, joga bola aérea e faz lançamento em profundidade pro atacante rápido. E se a equipe for mais forte, compensa ir pra cima? Cuidado… Uma das primeiras coisas que notei ao jogar o novo PES é que a defesa leva mais vantagem do que o ataque, e as partidas, de modo geral, tem poucos gols.

Mas elas não são imbatíveis. As características “arcade” estão lá. Cruzamentos da entrada da área (e não da linha de fundo) são quase mortais. A zaga bate-cabeça algumas vezes, “entregando o ouro” ao ataque. E, impossível não notar, passes que saem mais curtos do que deveriam, sem força, praticamente armando o contra-ataque do adversário. Vi isso a favor e contra no modo Divisões, e também jogando contra o COM.

Habemus goleiros!

- publicidade -

O ponto mais contraditório da série PES nos últimos anos encontrou um ponto de equilíbrio na versão 2018. Sim, meus amigos, os goleiros estão justos em PES 2018. Bem mais ágeis, defender uma bola ficou muito mais real agora.

Tá que isso passa pelo jogo mais cadenciado, as finalizações saindo menos velozes do que saiam antes, mas o que importa é que a comunidade foi ouvida. Se está mais difícil fazer gols, muito disso acontece pela evolução que os arqueiros tiveram.

PES 2018
Foto: Divulgação

Licenças e option file

Ponto de discórdia entre o público, as licenças são novamente um problema. Em PES 2018, apesar do Brasileirão estar totalmente licenciado pela CBF, vários times estão repletos de jogadores genéricos. Já é conhecido que isso não é um problema de empresa A ou B, mas sim de organização do futebol brasileiro, que não consegue ter um único órgão responsável pela negociação desses direitos de forma conjunta, como acontece em outros países.

No entanto, impossível não citar um descaso que a publisher teve com a gente. Na primeira atualização de elencos, somente times europeus foram mexidos. O Flamengo, por exemplo, que está totalmente licenciado no jogo, chega com ausências importantes de Diego Alves, Éverton Ribeiro, Rhodolfo e até de Vinícius Júnior, já vendido ao Real Madrid por 45 milhões de euros. Gol contra da Konami!

- publicidade -

Voltando a falar de licenças, temos a ausência de muitas equipes europeias de peso. De licenciamento oficial por lá, temos apenas três ligas totalmente legalizadas: Ligue 1 Conforama, Domino’s Ligue 2 (França) e Eredivisie (Holanda). As ligas espanholas, italiana, inglesa e portuguesa, mesmo presentes, tem ausências de equipes importantes como Real Madrid, Juventus e Manchester United.

Felizmente, esses problemas são facilmente resolvidos. Com a permissão de edição dos option files externos desde o PES 2017, a KONAMI libera que a própria comunidade insira os clubes, com escudos, elencos atualizados e uniformes no jogo. Golaço! Procurando um option file? Basta dar um Google aí e encontrar vários gratuitos!

PES 2018
Option File é só amor! (Foto: Reprodução)

Narração

Milton Leite (SporTV) segue como narrador, após retornar na edição 2017. Se no ano passado eu não estava convencido, em PES 2018, já gostei bastante. Temos muitas narrações de nomes, clubes e ela ficou com textos mais dinâmicos. Não me lembro de nenhum momento em que ficou muda. Já os comentários de Mauro Beting seguem “engraçadinhos”, buscando dar aquele tom de humor ao jogo. Não é ruim, mas uma mudança nas piadas cai bem às vezes, né?

Por outro lado, se compararmos com a narração de FIFA, ainda prefiro ficar com a dupla concorrente. Lá temos curiosidades e narrações situacionais, enquanto aqui ficamos exclusivamente com os acontecimentos da partida. Vai do gosto…

PES 2018
Foto: Divulgação

Online

Se na edição 2017 eu encontrava dificuldades para jogar online, não tive nenhum problema no 2018. Encontrei partidas rápidas, tanto no Divisões, como no 3v3 e no myClub.

Porém, sigo batendo na tecla de que o modo Divisões precisa ser refeito. O sistema de pontos por vitória te desencoraja a jogar com seu time do coração. É feito um investimento enorme para se ter uma liga brasileira oficial no jogo, times exclusivos e etc, mas não temos oportunidade de jogar com nossos times contra um rival do mesmo nível de estrelas.

PES 2018
Foto: Divulgação

Online, precisando vencer para subir, a comunidade opta por jogar somente com grandes potências, que mesmo dando poucos pontos por vitória, a chance de ganhar é maior. Por que não se espelhar em FIFA, pareando os adversários com nível de estrela semelhante, e dando os tradicionais 3 pontos por vitória e 1 por empate?

PES 2018: posso comprar?

Ponderados todos os pontos positivos e negativos de PES 2018, o título é essencial para quem já é fã da série. Com várias melhorias em relação à edição anterior, ter o jogo em sua biblioteca vai dar continuidade às horas de diversão que você passa com a franquia. E evitando entrar na discussão fanboy com o FIFA, ao menos eu recomendaria que o jogo da KONAMI fosse testado por quem não gostou dos anteriores. Houveram melhoras significativas e o game atingiu um outro patamar gráfico e de jogabilidade neste ano. Então, só me resta dizer que PES 2018 é…

Nota ótimo

O jogo já está disponível para PlayStation 4, Xbox One, PlayStation 3, Xbox 360 e PC, via Steam. O preço varia de acordo com a plataforma. No Metacritic, o game recebeu média de 84 pontos na versão analisada.

*Review elaborado usando a versão de PC do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

-publicidade-

Notícias relacionadas

PES 2018 | Evolução na medida certa
Lucas Soares
Jornalista e fã de videogames desde criança. Já teve Mega Drive, Game Boy Color, PS1, PS2, PS3, PS Vita, Nintendo 3DS e agora tem PS4, PSVR e PC Gamer. Para ele, o melhor jogo da história é Chrono Trigger, mas Metal Gear Solid 3, Final Fantasy X, Red Dead Redemption 2 e The Last of Us completam o Top-5.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

542,963FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
21SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,467SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: PES 2018 | Evolução na medida certa

Últimas Postagens

Warner na CCXP Worlds | O que sabemos sobre o painel que ocorre no domingo

Meses após o seu anúncio realizado, a CCXP Worlds finalmente chegou ao público neste final de semana em uma versão completamente virtual. E desta...

Monster Hunter | Cena inédita do filme é divulgada na CCXP Worlds

Com o seu desenvolvimento confirmado há meses, o filme baseado na franquia de games Monster Hunter está cada vez mais próximo de chegar aos cinemas. E assim, uma...

Mulher-Borracha | Warner está desenvolvendo filme baseado em personagem da DC

Com diversos projetos da DC atualmente em desenvolvimento, aos poucos vão também surgindo outras novidades. E entre elas, a mais recente envolve uma adaptação...

Naomi | Adaptação de HQ está sendo desenvolvida por Ava DuVernay

Começando a ser destaque na mídia, a adaptação televisiva de Naomi é alvo de novidades. E assim, as mais recentes envolvem o anúncio do...

Paramount na CCXP Worlds | Confira a programação do painel do estúdio

Após muitas expectativas ao longo das últimas semanas e diversos anúncios, a CCXP Worlds finalmente começou nesta sexta-feira, 04 de dezembro. E com isso,...