5 jogos pagos que deveriam ser gratuitos

publicidade:
Pubg
Divulgação

Quem gosta de jogos multiplayer online tem várias opções gratuitas atualmente. Se a preferência é por games no estilo FPS, CS:GO é uma opção que se tornou gratuita recentemente. As pessoas que curtem MOBAs podem optar pelo popular League of Legends e se divertir sem pagar pelo jogo. Tem também o Fortnite, a sensação do momento, perfeito para quem tem mais interesse no estilo Battle Royale.

Todos estes jogos citados são gratuitos e sinônimos de sucesso tanto no cenário competitivo quanto com os jogadores mais casuais. E, mesmo sendo gratuitos, os desenvolvedores recebem grandes somas de dinheiro graças ao modelo de monetização utilizado. Em geral, a arrecadação se dá através da venda de itens cosméticos, que permitem que o jogador tenha sua própria identidade online, mas não dão nenhum tipo de vantagem competitiva.

E não se engane: a Riot Games, a Epic Games e várias outras desenvolvedoras recebem muito mais trabalhando desta maneira do que as companhias que insistem na venda de cópias dos jogos. Até mesmo sites de cassino online, que obviamente ganham quando o jogador investe dinheiro, se adaptaram e oferecem games que podem ser jogados gratuitamente. Aliás, se você se cansou de jogar os games instalados no seu computador, veja aqui uma relação atual de todos os cassinos online. Boa parte deles tem modo de teste, para quem justamente opta por se divertir de modo casual, sem gastar. Assim você pode tanto jogar games gratuitos quanto tentar a sorte em apostas esportivas, jogos de cartas, roletas e outros.

Algumas desenvolvedoras deveriam aprender com estes exemplos e considerar tornar seus games gratuitos. Vamos ver, a seguir, cinco exemplos de games que teriam um aumento de popularidade e provavelmente garantiriam maiores rendimentos aos seus criadores se fossem disponibilizados gratuitamente.

  1. PUBG

O primeiro jogo da lista tem que ser um dos que já explodiu em popularidade, sendo o jogo mais visto da Twitch em 2017, mas perdeu espaço rapidamente quando um jogo gratuito do mesmo tipo chegou ao mercado. Sim, estamos falando do Player Unknown’s Battle Ground, game que compete com o Fortnite mas, diferentemente do rival, não permite que o jogo seja jogado no computador de maneira gratuita.

Aparentemente, tornar o jogo gratuito foi objeto de estudo da PUBG Corporation, desenvolvedora do game. No entanto, um dos problemas apontados foi a necessidade de ser justo com aqueles que já adquiriram o game. Uma versão “Lite” será lançada e promete ser mais leve e gratuita, porém, considerando a situação atual da disputa com o Fortnite, o ideal seria tornar o jogo original sem custo e compensar os jogadores que adquiriram uma cópia com itens cosméticos dentro do jogo.

  1. Fallout 76

Uma das séries de maior sucesso dos últimos anos é “Fallout”. Desenvolvida pela Bethesda, os jogos tiveram, em geral, uma ótima recepção do público. Tentando capitalizar no sucesso das versões offline, a Bethesda lançou, ao fim do ano passado, uma versão online, que é o “Fallout 76”.

O game vem sendo, no entanto, um verdadeiro fracasso em vendas e algumas lojas chegaram a oferecer o jogo gratuitamente aos seus consumidores. Tornar o jogo gratuito pode ser a melhor opção, assim, pelo menos, a Bethesda terá uma chance de avaliar os problemas com um público maior e buscar soluções.

  1. Artifact

Desenvolvido pela Valve, o objetivo da empresa era competir com outros jogos de cartas como Hearthstone e Gwent. Claramente a Valve, que também é responsável pelo CS:GO e o DotA acertou em cheio na competitividade do game mas errou feio em um detalhe crucial: a monetização.

Atualmente, o jogador precisa pagar para ter o jogo e, uma vez com o game é necessário comprar seu deck de cartas. O investimento inicial total é proibitivo para muitos jogadores que preferem ficar com as opções mais populares já existentes.

  1. Destiny

Se você quer um jogo de tiro em primeira pessoa com muita ação e um tema futurista, Destiny seria uma ótima opção. O jogo é extremamente bem desenvolvido, conta com ótimos pacotes de expansão, mas tem um problema comum entre os games citados: é pago. Novamente, existem várias opções de jogos gratuitos de tiro em primeira pessoa e, por este motivo, é natural que os gamers optem por outras opções ao invés de investir em games que são bons, mas pagos, como Destiny.

  1. Overwatch

Finalizamos nossa lista com um dos e-sports de maior sucesso do momento, trata-se de Overwatch um dos trunfos da Blizzard. O jogo é um FPS que possui aspectos de MOBAs e, por este motivo, é um gênero à parte no mundo dos games. A liga de Overwatch também é uma das mais bem desenvolvidas nos esportes eletrônicos e, inclusive, conta com transmissão e narração em português. O que assusta é o fato que a Blizzard parece não perceber que basta um pequeno incentivo para que seu jogo se torne um dos mais populares do mundo.

Claro, tornar o jogo gratuito é o passo necessário para que o jogo se torne um verdadeiro fenômeno mundial. Além disso, considerando o sucesso dos games que adotaram este modelo econômico, não podemos dizer que é uma má ideia.