-publicidade-

MOTHERGUNSHIP | Crie armas e atire sem parar!

Título é simples, mas entrega muita diversão e horas de gameplay

Ao começar a jogar MOTHERGUNSHIP, shooter desenvolvido pela Grip Digital e a Terrible Posture Games para PC, Xbox One e PlayStation 4, a primeira sensação que tive foi a de estar jogando um típico jogo de tiro das antigas, como DOOM ou Quake. A nostalgia bateu forte, mas fui surpreendido com coisas que, ainda quando moleque, deveriam dar um tom bem legal se existissem. Ou seja, inicialmente, ao que parece, algumas das preces de um menino de 12 anos foram ouvidas…

Mas será que o jogo consegue entregar um material de qualidade em meio a tantos jogos de tiro lançados? A nostalgia e as customizações são realmente um diferencial? Se você está curioso pra saber mais sobre MOTHERGUNSHIP, fique de olho em mais uma review aqui, no Jornada Geek!

Customização: o grande diferencial

Antes de mais nada, vale a pena começar a abordar MOTHERGUNSHIP pelo ponto que mais chama atenção: a customização infinita das armas. A mecânica do jogo permite que você crie uma série de armamentos (o personagem pode segurar uma arma em cada mão). Desde lançadores de granadas com poder de fogo aumentado, escopetas com dano congelante até metralhadoras avassaladoras cheias de munição, você pode escolher a melhor tática a partir das armas utilizadas. E o melhor: tudo isso é muito fácil de ser feito!

Particularmente, alternei entre uma metralhadora com bastante munição (ponto que pode ser aprimorado na customização) e um lança-foguetes. Isso me deu mobilidade para matar inimigos menores e mais fracos e também dar conta dos chefes ou personagens mais duros na queda. Mas isso pode variar de acordo com os níveis jogados, que vão ditando o ritmo cada vez mais insano dos tiroteios.

MOTHERGUNSHIP
Um exemplo de arma customizada. (Foto: Divulgação)

Inimigos previsíveis

- publicidade-

O estilo arcade observado no jogo é realmente parecido com os clássicos. Inclusive os inimigos, que são previsíveis e se repetem demais. A grande diferença de um nível pra outro, além do mapa e seus obstáculos, é justamente a quantidade de máquinas assassinas a serem destruídas. Desde ataques terrestres até orbes voadoras que atiram por todos os lados, eles pipocam por todos os lados, sem parar. Balas atravessam todos os cantos do mapa e, quando nos damos conta, estamos completamente cercados. Sorte que somos fortes o suficiente pra aguentar tanta pancada.

MOTHERGUNSHIP
Os inimigos podem até se repetir, mas olha o quão louco fica o cenário com todos eles… (Foto: Divulgação)

Gráficos e jogabilidade

Dois aspectos técnicos que são polidos e simples, os gráficos e a jogabilidade de MOTHERGUNSHIP cumprem o que o estilo pede. Visualmente falando, o jogo lembra – e muito – os já citados DOOM e Quake. Todavia, os inimigos são robôs alienígenas. Ou seja, não existem vísceras espalhadas pelo mapa, mas muitos (muitos mesmo!) destroços. Os gráficos são bonitos sim, os efeitos de luz são bem executados, mas tudo é muito simples. E isso funciona muito bem.

- publicidade -

A jogabilidade não apresenta nada de extraordinário. O jogo conta com comandos básicos, sem nenhuma inovação. E isso não necessariamente é ruim. É aquele típico jogo onde você se senta e já sai jogando. O mais divertido, aliás, é poder derrotar hordas inimigas e se esquivar incessantemente da chuva de tiros que voam pela tela. Ou seja, a simplicidade aqui diferencia-se um pouco de alguns títulos contemporâneos que enchem um simples jogo de tiro com trocentas funções. Aqui, o básico já compensa e garante a diversão.

MOTHERGUNSHIP
Os bosses costumam ser exageradamente enormes, mas não fazem muita coisa de extraordinário. (Foto: Divulgação)

Veredito

Eu poderia ficar falando mais sobre o jogo, mas o resumo que posso fazer é que ele é bem simples e o seu grande diferencial é a customização das armas (e ver as diferentes formas de destruição que elas podem causar). Tanto é que o jogo nem precisa de uma história muito elaborada pra ganhar os jogadores. E olhe que eu sou um fã de games com narrativas bem amarradas…

MOTHERGUNSHIP é divertido sim, mas também é repetitivo. Ir de um nível ao outro, customizar suas armas, matar uma infinidade de inimigos e, no final, encarar o boss, é a fórmula utilizada. Para uns, pode até ser divertido ser testado pois, com o avançar das fases, a coisa começa ficar mais puxada. Para outros, isso pode se tornar algo mecanizado e desanimador. Vai de cada um mesmo. Mas, se você estiver de mau humor, por exemplo, jogue e descarregue sua raiva nas máquinas inimigas. É tiro e queda (literalmente)!

Nota ótimo

Lançado para PC, via Steam, Xbox One e PlayStation 4, MOTHERGUNSHIP é avaliado pelo Metacritic com a nota 78, o que pode ser considerado bastante positivo para um jogo indie com um provável orçamento limitado.

- publicidade -

*Review elaborado usando a versão de PC do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

543,129FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
20SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,471SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: MOTHERGUNSHIP | Crie armas e atire sem parar!

Últimas Postagens

Vingador Tóxico | Peter Dinklage irá protagonizar o reboot

Mesmo com o adiamento de diversos projetos por conta da pandemia de coronavírus (Covid-19), aos poucos continuam surgindo também anúncios no mercado hollywoodiano. E...

Gavião Arqueiro | Hailee Steinfeld confirma que será a Kate Bishop

Com o seu desenvolvimento definido há algum tempo, a série protagonizada pelo Gavião Arqueiro aos poucos vai ganhando cada vez mais novidades. E entre elas,...

Arrowverse | David Ramsey retornará como John Diggle nas séries do canal CW

Meses após o final de Arrow ter acontecido, as séries da DC agora anunciadas como parte do CWverse, anteriormente conhecido como Arrowverse, aos poucos...

O Juiz | Drama estrelado por Robert Downey Jr. é destaque na Netflix

Com o seu lançamento tendo acontecido em 2014 no Brasil e nos EUA, o filme O Juiz chegou recentemente ao catálogo da Netflix como...

Ava | Filme com Jessica Chastain no estilo John Wick chega na Netflix

Sendo um dos filmes que teve o seu lançamento cinematográfico atrapalhado em 2020 por conta da pandemia, o filme Ava é um das adições...