-publicidade-

Irony Curtain: From Matryoshka with Love | Mais uma sátira do mundo

Uma excelente adição ao gênero point-and-click

Sátiras são comuns na sociedade, e toda a gente sabe disso. Sobre a União Soviética, comunismo e todo o período da Guerra Fria então, nem se fala. A discussão de algo tão remoto ainda parece assombrar a algumas pessoas, que insistem em interpretar diversas questões contemporâneas ainda por esse prisma. Engraçado para alguns, talvez nem tanto para outros, esse é o caso de Irony Curtain: From Matryoshka with Love, jogo feito pela desenvolvedora polonesa Artifex Mundi, lançado para PlayStation 4Xbox One e Nintendo Switch e PC, que estende a sua crítica também ao capitalismo ocidental, especificamente ao modelo norte-americano, remontando a uma rivalidade histórica já há muito explorada.

Em vários títulos que contam com esse tipo de tema em específico, inúmeros clichês são abordados, tornando cada vez mais rasa a discussão sobre o que ocorreu naquele momento. Tudo bem, o jogo aqui em questão é só uma ficção, mas infelizmente muitos jogadores não sabem distinguir o que é verdadeiro do que é (completamente) fictício. Mas enfim, será que Irony Curtain é um bom jogo ou é só mais um point-and-click de aventura no mercado? Seu humor é bom ou é mais um daqueles jogos pouco aprofundados? Fique aí e acompanhe comigo mais uma crítica aqui, no Jornada Geek!

Um assunto delicado

É impossível falar de Guerra Fria sem citar o embate entre capitalismo x comunismo e os vários casos de espionagem vividos naquele momento. Certamente um dos maiores fatos históricos do século XX não deve ser considerado banalmente apenas por um jogo mas, por outro lado, pode facilmente nos fazer rir através das piadas e críticas políticas já tão difundidas pelo senso comum. Mas, pra quem vai além dele, a reflexão pode ser muito mais ampla. Mas convenhamos, não vale a pena entrar nesse embate aqui.

A história de Irony Curtain é, no mínimo, curiosa, e não darei spoilers para não perder a graça: você controlará Evan, um jornalista ocidental que visita Matryoshka, uma nação fictícia baseada na União Soviética. Por sorte ou azar, o atrapalhado jornalista acaba sendo envolvido em uma trama de espionagem entre “comunistas e capitalistas”. Em meio a toda essa confusão, o personagem vai descobrindo absurdos de sua pátria, e tem como objetivo chegar ao Supremo Líder. Porém para isso, o jovem jornalista precisa não ser preso nos porões da ditatorial Matryoshka. As ironias como o próprio título do game sugere, estarão a solta e atacarão aos dois lados, banalizando os exageros observados de ambos os lados e os já citados “clichês históricos”.

Irony Curtain: From Matryoshka with Love
Este é Evan, o personagem principal da trama. (Foto: Divulgação)

Um point-and-click diferenciado

Irony Curtain: From Matryoshka with Love além de ser um tanto “zoeiro”, mostra-se um jogo bonito e bem feito. Sua história é um claro exemplo disso, mas vai um pouco mais além. Cada cenário do jogo foi totalmente ilustrado manualmente, sendo um aspecto estético bastante interessante para jogos modernos. Além disso, sua trilha sonora é assinada por Arkadiusz Reikowski, que trabalhou em jogos como My Brother Rabbit e Layers of Fear, e o grandioso Peter McConnell, que já foi responsável por trilhas de jogos clássicos da LucasArts, incluindo Star Wars, Grim Fandango, Monkey Island e vários outros títulos consagradíssimos. Ou seja, temos um jogo bastante bonito e bem trabalhado em todos os aspectos.

Já a jogabilidade é bem simples, seguindo o que já é esperado de um point-and-click de aventura: você anda e interage com todo o cenário e seus puzzles a partir de cliques, sendo algo bastante simples de dominar. Porém é necessário compreender pelo menos um pouco de inglês para que a história e todos os desafios que surgem ao longo da trama sejam compreendidos. Infelizmente Irony Curtain não conta com tradução para português, o que pode ser um infeliz entrave.

Irony Curtain: From Matryoshka with Love | Mais uma sátira do mundo
Bem-vindo (ou não) à Matryoshka! (Foto: Divulgação)

Veredito

Irony Curtain: From Matryoshka with Love tem êxito em todos os seus aspectos: história divertida, crítica em ambos os lados da situação, gráficos cartunescos bonitos e manualmente feitos, algo que, pelo menos pra mim, é muito interessante, trilha sonora feita por grandes nomes, diálogos divertidos e, pra coroar tudo, uma jogabilidade bastante simples e fluida, embora alguns puzzles não sejam tão simples de serem executados, dando um ar desafiador ao mundo do estabanado Evan. O peso contra, infelizmente, é a ausência de localização para o Brasil, algo fundamental para o público gamer de hoje.

Irony Curtain: From Matryoshka with Love | Mais uma sátira do mundo

Irony Curtain: From Matryoshka with Love está disponível para compra na Steam, GOG.com, Xbox Store, PlayStaion Store e Nintendo eShop. A versão avaliada teve a excelente média de 84 pontos no Metacritic, considerada alta para um título indie e de estilo point-and-click.

*Review elaborado usando a versão de PC do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

545,951FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
21SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,545SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: Irony Curtain: From Matryoshka with Love | Mais uma sátira do mundo
- publiidade -

Últimas Postagens

No Sudden Move | Elenco do novo suspense da HBO Max é anunciado

Dando início à sua produção, o novo filme da HBO Max, No Sudden Move, começa a ser destaque na mídia. E assim, agora as novidades envolvem...

10 séries que estreiam em outubro na Netflix e merecem sua atenção

Seguindo a sua tradição mensal, a Netflix revelou a extensa lista de adições ao seu catálogo para o mês de outubro recentemente. E claro,...

Xbox Series X|S terá pré-venda iniciada nesta terça-feira no Brasil

Após recentemente ganharem novidades nos últimos dias, entre elas os seus valores no Brasil e nos EUA, os consoles Xbox Series X e Xbox...

O Senhor dos Anéis | Filmagens da série são reiniciadas na Nova Zelândia

Assim como diversos grandes projetos de hollywood, a série O Senhor dos Anéis também acabou tendo a sua produção paralisada na Nova Zelândia ao...

Spiderhead | Chris Hemsworth entra para o elenco do filme

Apostando em seu catálogo original, a Netflix volta a ser destaque na mídia. E assim, agora as novidades envolvem o elenco do seu novo filme: Spiderhead. Segundo...

14 séries lançadas pela Netflix em 2020 para você assistir

Com o lançamento de diversas plataformas de streamings por seus próprios estúdios, a Netflix passou a investir cada vez mais ao longo dos anos...

Resident Evil: No Escuro Absoluto | Assista ao teaser da nova série animada da Netflix

Como vem acontecendo ao longo dos últimos anos, a Netflix segue focada em expandir cada vez mais o seu catálogo de projetos originais. E...

WandaVision | 5 personagens do MCU que estão confirmados na série

Com o seu desenvolvimento já anunciado há alguns meses, a série WandaVision caminha oficialmente para se tornar a primeira produção da Fase 4 do...