-publicidade-

-publicidade-

Hitman 3 | Review – Vale a pena jogar?

Jogo será lançado em formato digital em 20 de janeiro e mídia física em 29 de janeiro no Brasil.

Hitman 3
Divulgação

Classificação:

Hitman 3 | Review - Vale a pena jogar?

Com o seu primeiro título tendo sido lançado originalmente em 2000, somente para PC, a franquia Hitman encontrou um caminho de crescimento ao longo dos anos através de uma expansão iniciada em 2002 com a sua chegada também aos consoles. De lá pra cá muita coisa mudou, gerações passaram, mas a história do Agente 47 sempre conseguiu conquistar o seu espaço entre os fãs do gênero de espionagem. Contudo, foi em 2016 que tivemos acesso ao seu primeiro “reboot”. Uma nova história começou a ser contada pela IO Interactive, encontrado agora em Hitman 3 o seu momento de conclusão. Mas será que vale a pena jogar este título?

A trama de Hitman 3

Seguindo em frente com a sua história de assassinatos e descobertas sobre o passado do Agente 47, Hitman 3 é  conclusão da trilogia World of Assassination. Novamente apoiado por Diana Burnwood, o objetivo do personagem ao longo das missões continua sendo o mesmo: eliminar os poderosos membros da Providence em um jornada que tem como objetivo mudar o mundo para sempre e que vai se tornando cada vez mais interessante em seu decorrer.

Assim como nos títulos anteriores, as missões novamente são ambientadas em cidades e países completamente diferentes, sendo desta vez ambientadas em 6 locações diferentes, incluindo o seu início em Dubai. Após isso a trama levará os jogadores para Dartmoor na Inglaterra, Chongqing na China, Mendoza na Argentina, Berlim na Alemanha e os Montes Cárpatos na Roménia.

A jogabilidade de Hitman 3

Esta é uma questão que nos trouxe poucas novidades em Hitman 3, mas ainda assim que merece ser destacada por diversos motivos. Assim como vem acontecendo desde o início da trilogia World of Assassination, o novo título da IO Interactive mantém intacto praticamente toda a sua jogabilidade, ou até mesmo o estilo de movimentação do protagonista.

Ou seja, se você esperava alguma evolução no estilo de deixar o personagem principal menos “duro” pode ir esquecendo. E digo mais: embora alguns reclamem sobre este assunto na internet hoje em dia, certamente é algo muito complicado de acontecer até mesmo em um possível futuro. O motivo? O estilo de movimentação do Agente 47 já virou meio que uma marca da sua franquia.

Por sua vez, a grande novidade no aspecto que jogabilidade que nos é realmente entregue em Hitman 3 é a adição de uma câmera scanner que nos permite abrir algumas portas, janelas, ou até ter acesso a segurança de alguns locais. E sim, é um objetivo bem interessante da forma como foi colocada em prática ao longo das missões que enfrentamos nesta reta final da trilogia em questão.

No resto, basicamente tudo continua o mesmo: as formas de surpreender os inimigos, os movimentos de lutas, armas, ações e comandos para isso tudo seguem intactos. Aliás, nem faria sentido apresentar alterações nestas funções que seguem funcionando muito bem ao longo do que vem sendo apresentado ao público nos últimos anos.

Hitman 3 no Xbox Series X

Hitman 3 fase na china
Divulgação

Com a chegada da nova geração de consoles nas últimas semanas, então certamente muitos estão cada vez mais esperando que gráficos passem por grandes evoluções nos próximos lançamentos. Bem, no caso de Hitman 3 isso não acontece de uma forma tão visível. Até temos alguns detalhes a mais nas locações, como por exemplo na missão em Chongqing na China em que vemos a careca do Agente 47 brilhando por conta da água, ou nos ventos iniciais fora do prédio de Dubai. Mas, no geral, o gráfico do título ainda não apresenta uma evolução muito maior que isso.

Entretanto, no Xbox Series X outra função também é colocada em prática no novo título: O Quick Resume. Muito comentado desde o lançamento do console, a função em questão é bem trabalhada em Hitman 3. Ou seja, nada de esperas no carregamento enquanto você estiver aproveitando o desfecho da saga em questão.

Execute a missão do seu jeito: Hitman 3 continua sendo perfeito em seu estilo sandbox

Se você é um fã da franquia Hitman, então certamente sabe que o estilo sandbox é uma das melhores funções da franquia protagonizada pelo agente 47. E claro, isso é algo que só vem passando por melhorias ao longo da trilogia World of Assassination, já que agora existem as histórias que podemos acompanhar para executar as missões.

E se você gosta de seguir estas pequenas tramas apresentadas, então certamente vai se divertir muito em alguns momentos de Hitman 3. E digo mais: o grande destaque desta vez para esta função ficam nas duas primeiras missões, com a de Dartmoor, na Inglaterra, sendo especial na minha experiência por conta da abordagem escolhida como detetive. No mais, sem entregar spoilers, a nossa dica é: use e abuse desta ferramenta eficiente das histórias para você conseguir completar as suas missões das formas mais surpreendentes possíveis.

Conclusão: Vale a pena jogar Hitman 3?

Se você é fã da franquia protagonizada pelo Agente 47, então Hitman 3 certamente é algo que você precisa experimentar. O jogo chegou ao mercado sem tentar buscar revoluções gráficas ou grandes mudanças em sua jogabilidade, mas ainda assim consegue divertir como vem acontecendo ao longo da sua atual trilogia.

Além disso, um ponto extremamente interessante na franquia em questão é o fato de que ela não se desvia dos seus objetivos. Sempre temos eliminações de membros da providence para serem realizadas, com o bônus de encontrar algum arquivo importante para recuperar surgindo em algumas ocasiões. Entretanto, nada mais do que isso. A diferença aqui, é claro, fica em como você encontrará o caminho para a realização destas mortes. E isso, bem, e a graça do jogo.

No mais, é possível afirmar com convicção que Hitman 3 consegue divertir da maneira certa para os fãs do gênero. Mas lembre-se: um pequeno detalhe pode determinar o seu futuro ou fracasso controlando o Agente 47 nesta reta final da sua história.

*Texto escrito a partir da experiência no Xbox Series X, com o código fornecido pela IO Interactive.

Confira também: 

Não deixe de acompanhar todas as notícias diárias sobre filmes, séries e games do Jornada Geek. Aproveite também para curtir a nossa página no facebook, além de nos seguir no twitter, instagram e também no Google News.

Hitman 3 | Review - Vale a pena jogar?
Marco Victor
Fundador do Jornada Geek, formado em Jornalismo pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (atualmente conhecido como UniAcademia), mas também um grande amante de filmes e antigo frequentador de locadoras. Outras paixões também existentes estão em Séries de TV, HQs, Games e Música. Considera Sons of Anarchy algo inesquecível ao lado de 24 Horas, Vikings e The Big Bang Theory. Espera ansioso por qualquer filme de herói, conseguindo viver em um mundo em que você possa amar Marvel e DC apesar de ter no Batman e As Tartarugas Ninja como os seus heróis favoritos.
- publicidade -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

539,259FansLike
60,571FollowersFollow
22FollowersFollow
0FollowersFollow
20,273FollowersFollow
57SubscribersSubscribe
Hitman 3 | Review - Vale a pena jogar?

Últimas Notícias