-publicidade-

-publicidade-

Cyberpunk 2077 perdeu quase 80% da base de jogadores na Steam. Saiba porquê.

Jogo foi lançado originalmente em dezembro de 2020.

Imagem de Cyberpunk 2077
Divulgação

Cyberpunk 2077 foi um dos, senão o jogo mais aguardado de 2020, e mesmo com diversos adiamentos e um lançamento repleto de polêmicas, principalmente dos usuários de console, ele foi vendido como água – no PC principalmente, onde os problemas não foram tantos, já que o game foi melhor otimizado para esta plataforma. Mas, de acordo com o relatório feito pela companhia de análise GitHyp, um mês após o seu lançamento, o Cyberpunk 2077 já perdeu 78% da sua base de jogadores na Steam, a famosa plataforma de venda digital de games, que pertence à Valve Corporation.

O número é tão assustador porque, somente na Steam, o jogo registrou picos acima de um milhão de downloads na primeira semana de lançamento, como também um número recorde de jogadores online jogando um título single-player. Nos dias de hoje, o game vem registrando somente alguns picos ocasionais de até 130 mil players simultâneos. Só para se ter uma noção da queda, outro jogo da CD Projekt Red, o incrível The Witcher 3: Wild Hunt, demorou pelo menos três meses para apresentar uma redução semelhante.  Contudo, The Witcher 3 tinha uma base de lançamento muito menor, com picos somente de 92 mil jogadores na Steam.

O que não funcionou em Cyberpunk 2077

É até difícil enumerar os problemas do game, que começaram desde os diversos adiamentos, ao lançamento com milhares de bugs que o deixaram praticamente “injogável” nos consoles da geração passada, às reclamações de funcionários que alegaram que a CD Projekt Red os fez trabalhar excessivamente no desenvolvimento do game. Além disso, o marketing falho também trouxe desconforto a várias pessoas ligadas ao Cyberpunk 2077. E para quem não quer se decepcionar com um jogo mal acabado, pode conferir que o Leo Vegas é confiável e conta com uma variado catálogo de games grátis, além de cobrir as apostas esportivas dos principais campeonatos de futebol do planeta.

Atualmente, está correndo na justiça uma ação judicial de classe (onde diversas pessoas ou grupos se juntam a um único processo) alegando que a desenvolvedora polonesa tinha noção dos inúmeros bugs do jogo, que vêm causando problemas a muitos jogadores que tem os consoles da geração passada, e ainda assim concordaram em lançá-lo, escondendo os problemas do público. Esta ideia também vem sendo bastante reforçada pela mídia especializada, que diz que a desenvolvedora lhes enviou cópias para análise da versão de PC, enquanto o normal é geralmente enviar as de console.

Isso chegou a níveis tão alarmantes que a Microsoft e a Sony passaram a ofertar reembolsos para os players que compraram o jogo em suas lojas virtuais, sendo que a Sony tomou uma atitude inédita, ao remover o Cyberpunk 2077 da PlayStation Store. No momento atual, a CD Projekt Red vem se desdobrando entre pedidos de desculpa, desenvolvimento de atualizações de correção para os incontáveis bugs presentes no game, além da otimização de uma versão para o PlayStation 5, que não conta com uma versão de Cyberpunk 2077 própria.

Finalmente um pedido de desculpas público

Dia 13 de janeiro de 2021 ficará marcado como a data que o co-fundador da CD Project Red, Marcin Iwiński, finalmente veio a público pedir desculpas sobre o fiasco que acabou sendo o lançamento de Cyberpunk 2077. De acordo com Marcin, nunca foi o objetivo da desenvolvedora disponibilizar uma versão defeituosa do game para os jogadores. Ele acabou admitindo que a produtora acabou dando um passo maior que a perna, já que desenvolver o game para a geração passada dos consoles se mostrou um desafio muito maior que o esperado, e com isso vários erros acabaram passando na fase de testes.

O co-fundador ainda fala que os jogadores insatisfeitos não devem culpar a equipe de desenvolvimento, e sim a ele e aos executivos, que acabaram decidindo lançar o jogo antes do momento certo.

Não deixe de acompanhar todas as notícias diárias sobre filmes, séries e games do Jornada Geek. Aproveite também para curtir a nossa página no facebook, além de nos seguir no twitter, instagram e também no Google News.
Cyberpunk 2077 perdeu quase 80% da base de jogadores na Steam. Saiba porquê.
Marco Victor
Fundador do Jornada Geek, formado em Jornalismo pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (atualmente conhecido como UniAcademia), mas também um grande amante de filmes e antigo frequentador de locadoras. Outras paixões também existentes estão em Séries de TV, HQs, Games e Música. Considera Sons of Anarchy algo inesquecível ao lado de 24 Horas, Vikings e The Big Bang Theory. Espera ansioso por qualquer filme de herói, conseguindo viver em um mundo em que você possa amar Marvel e DC apesar de ter no Batman e As Tartarugas Ninja como os seus heróis favoritos.
- publicidade -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

539,237FansLike
60,571FollowersFollow
22FollowersFollow
0FollowersFollow
20,274FollowersFollow
57SubscribersSubscribe
Cyberpunk 2077 perdeu quase 80% da base de jogadores na Steam. Saiba porquê.

Últimas Notícias