-publicidade-

-publicidade-

CROSSING SOULS | UM RPG de aventura e mistério!

É legal ter esses easter eggs, mas a história poderia muito bem ser o elemento principal...

Crossing Souls é um jogo indie desenvolvido pela Fourattic e distribuído pela Devolver Digital, com ambiente totalmente misterioso e divertido. Similar aos jogos antigos de computador em CD-ROM, o game mistura ação e RPG, com uma história divertida e vários quebra-cabeças para resolver o mistério!

Com o clima relembrando os anos 80, Crossing Souls é um interessante jogo que envolve uma mecânica interessante, com uma ótima história. Mas será que só isso foi suficiente? Descubra aqui no Jornada Geek, com mais uma review!

A premissa

A introdução de Crossing Souls já me fisgou de cara. Trazendo uma belíssima animação bem colorida, com traços de histórias em quadrinhos, como se fossem produzidas em flash. O jogo, com a visão isométrica, proporciona total liberdade de explorar o ambiente com seu personagem, totalmente pixalizado com cores bem vivas e muito bem detalhadas. É interessante essa liberdade que o jogador tem com o cenário, principalmente pelas referencias e easter eggs escondidos, relacionado a cultura pop.

Com uma mistura de Stranger Things, Conta Comigo, e uma boa pitada de os Goonies, Crossing Souls é um game divertido de aventura e RPG, que me lembrou jogos antigos de computador que joguei na infância. Com uma história intrigante e personagens carismáticos, ele estimula e convida o jogador não só apenas pelas referências nerds, ou pelos gráficos, mas também pela vontade de solucionar o mistério que envolve toda a trama do jogo.

Crossing Souls
Foto: Divulgação

Crossing Souls é ambientado na Califórnia em 1986, quando um grupo de cinco adolescentes descobre um misterioso diamante rosa que abre um portal para o mundo dos mortos. Com isso, uma conspiração governamental irá atrás desse diamante com algum propósito maquiavélico que ameaça a família dos adolescentes, e o mundo.

RPG divertido

Cada personagem do jogo possui uma habilidade diferente para ser utilizada em algum momento da história. Não apenas nas batalhas, mas em diversos quebra cabeças, desde os mais simples aos mais complexos, são necessários um certo rodizio entre os personagens e sua utilidade, como empurrar caixas, saltar obstáculos entre outros.

Crossing Souls
Foto: Divulgação

Nas batalhas, o mesmo sistema de habilidades, como vantagens em combates a curta distância, armas para atirar de longe, e por ai vai. Cada um, com sua devida importância. Isso cria uma dinâmica interessante, e possibilidade de oferecer ao jogador, um personagem para ser “o favorito” para percorrer o jogo na maior parte do tempo.

O sistema de batalha peca um pouco, mas combina pela proposta do jogo. Esperava um RPG estilo Final Fantasy, com batalhas de turno, para upar o personagem e carregar o especial e usar essas habilidades em alguma estratégia. Ao invés disso, as batalhas funcionam como os arcades de antigamente, com cada botão realizando uma ação, e o personagem se movimentando no mapa. Combina com a proposta, mas esperava algo maior.

Crossing Souls
Foto: Divulgação

Veredito

Achei o visual de Crossing Souls muito interessante. Vários cortes de cenas possuem animações iguais a animação de introdução, com um belíssimo estilo gráfico. A trilha sonora foi algo muito bem feita também, com inspirações nos mestres John Williams e Jerry Goldsmith.

Crossing Souls se sustenta muito com referencias a cultura pop, chegando um pouco a ser cansativo ou mesmo ter maior relevância que a própria mitologia que o jogo oferece, que é interessante também. É legal ter esses easter eggs, mas a história poderia muito bem ser o elemento principal, e apenas alguma lembrança dessas referências e causar uma certa duvida no jogador sobre isso.

CROSSING SOULS | UM RPG de aventura e mistério!

E apesar dos longos e cansativos diálogos, o jogo está em português. Vários pontos altos, mas os pontos baixos são bem significativos. Vale três estrelas pelo belíssimo trabalho artístico.

Nota bom

Crossing Souls foi lançado para PlayStation 4 e PC, somente em formato digital. Ele é encontrado na Steam por R$ 27,99 e na PlayStation Store por R$ 53,90. No Metacritic, o jogo teve média de 75 pontos.

*Review elaborado usando a versão de PS4 do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

- publicidade -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

539,322FansLike
60,571FollowersFollow
22FollowersFollow
0FollowersFollow
20,279FollowersFollow
57SubscribersSubscribe
CROSSING SOULS | UM RPG de aventura e mistério!

Últimas Notícias