-publicidade-

CRASH BANDICOOT N. SANE TRILOGY | Nostalgia aprimorada

Uma coletânea incrível, que faz jus aos jogos originais

Todo fã de consoles e jogos já deve ter ouvido pelo menos uma vez na vida sobre Crash. Um personagem extremamente carismático, o marsupial criado pela Naughty Dog fez um tremendo sucesso nos anos 90 e 2000, se tornando até mesmo um mascote da Sony na geração do PlayStation 1. E os três títulos mais consagrados, coincidentemente os que se encontram em Crash Bandicoot N. Sane Trilogy, foram lançados entre 96 e 98: Crash Bandicoot (1996), Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back (1997) e Crash Bandicoot 3: Warped (1998).

Posteriormente, até que outras desenvolvedoras tentaram dar sequência a muito bem sucedida fórmula dos três jogos anteriores, mas sem tanto sucesso. Bem… até esse tão aguardado remake, feito pela Vicarious Visions e lançado pela Activision, que vendeu mais de 2,5 milhões de cópias apenas para PlayStation 4, plataforma no qual foi lançado em junho de 2017. Um ano depois ele estaria disponível para PC, via Steam, Xbox One e Nintendo Switch.

Então, se você é fã do marsupial mais famoso do mundo, veja aí as minhas impressões um tanto quanto nostálgicas em mais uma crítica do Jornada Geek!

Mas… O que há de novo?

De cara, muitas pessoas questionam se há de fato algo de novo. Pois bem, quatros coisas são facilmente notáveis, até por conta do hype e algumas críticas em grupos espalhados pela internet. A primeira delas, a meu ver brilhante, é a renovação gráfica produzida neste remake. As formas e cores são extremamente belas e nítidas, aprimorando aquela versão ainda meio quadradona do PlayStation 1. As folhagens, inimigos e os próprios personagens jogáveis, Crash e Coco (que antes só aparecia em fases específicas – que ainda são exclusivas dela) contam com detalhamento impressionante, sendo o jogo feito até em resolução 4K no Xbox One X e no PC.

A parte sonora do game segue à risca o que era ouvido nos anos 90. O barulho das caixas, da colheita das maçãzinhas, as giradas insanas, os inimigos, as falas de Aku Aku que ninguém entende e a deliciosa trilha sonora: tudo está exatamente igual à versão interior, mas com qualidade aprimorada, óbvio! Aliás, o que Aku Aku tanto fala no jogo? Fica a questão…

- publicidade-

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy
Foto: Divulgação

Outro aspecto, esse mais distinto, porém divertido é a possibilidade se alternar a jogabilidade antes das fases entre Crash e Coco, o que é uma adição legal, boa tanto para os jogadores das antigas, quanto para os novatos que terão a chance de sentir um gostinho dos anos 90.

E, por último, talvez o aspecto que mais tenha incomodado ou causado algum rebuliço: a física. Bem, como dito lá em cima, o jogo trata-se de um remake, isto é, o jogo foi refeito do zero, embora tenha seguido à risca todas as fases e seus mínimos detalhes vistos na antiga geração. Ou seja, não é um remaster, que consiste em trazer para as novas gerações títulos anteriores sem tantas mudanças, sendo mais restritas aos gráficos e sons.

- publicidade -

Crash Bandicoot™ N. Sane Trilogy
Foto: Divulgação

O que chamou a atenção daqueles fãs mais antigos (assim como eu), foi a física utilizada nas caixas, que conta com um formato oval, não seguindo (obviamente) o formato quadrado delas. Mas particularmente achei que isso é bem fácil de se acostumar. Ou isso ou nas versões de Xbox One, PC e Nintendo Switch fizeram alguma atualização (joguei no PC). Enfim, esse é um aspecto que chamou atenção, mas que não diminui de forma alguma o trabalho da Vicarious Visions. No restante, a física parece acompanhar bem o que era visto nos três títulos originais.

Conclusão

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy é um jogo incrível, repleto de nostalgia e que faz jus aos originais, trazendo minuciosamente cada aspecto visto há cerca de 20 anos atrás. Sim, VINTE ANOS. E o mais legal dessa trilogia é justamente poder ver uma geração completamente diferente tendo o prazer de jogar esse excelente título de plataforma.

Crash Bandicoot™ N. Sane Trilogy
Isso te lembra algo? (Foto: Divulgação)

A questão gráfica e sonora não abandona a estética adotada nos primeiros títulos e isso é maravilhoso. A física segue bem legal, mesmo com as queixas de alguns sobre o formato “oval” das caixas.

Concluindo, se você é fã de clássicos, vá fundo e abrace o jogo. Relembre-se da TV de tubo, dos amiguinhos enchendo sua sala, da ansiedade de ver se o disco iniciaria, e de tantos outros pontos da sua infância/adolescência e quiçá vida adulta. Agora, se você nunca jogou… Está perdendo tempo! Vá fundo e jogue bastante! Crash Bandicoot N. Sane Trilogy veio em ótima hora para mostrar que a franquia é atemporal e que existem ótimos títulos de plataforma ao longo da história dos games. É, sem sombra de dúvidas, um título obrigatório pra qualquer entusiasta.

- publicidade -

Nota Surpreendente

Crash Bandicoot N. Sane Trilogy está disponível por R$ 150,00 na Steam e na Microsoft StoreR$ 149,90 na PlayStation Store e em lojas do varejo do Brasil. A versão de Switch é vendida por US$ 39,99 na Nintendo eShop. No Metacritic, o jogo teve média de 76 pontos na versão avaliada.

*Review elaborado usando a versão de PC do jogo. Cópia fornecida pela desenvolvedora.

-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

543,478FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
20SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,479SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: CRASH BANDICOOT N. SANE TRILOGY | Nostalgia aprimorada

Últimas Postagens

Predador | Dan Trachtenberg vai ser o diretor do 5º filme

Começando a ser alvo de novidades, o 5º filme da franquia Predador volta a ser destaque na mídia. E assim, agora o anúncio envolve o...

Stranger Things | Robert Englund entra para o elenco da 4ª temporada

Atualmente em filmagens para a sua 4ª temporada, a série Stranger Things volta a ser destaque na mídia. E assim, agora as novidades voltam a...

Pantera Negra 2 ganha novidades no elenco e previsão de filmagens

Anteriormente previsto para chegar aos cinemas em 2022, o filme Pantera Negra 2 acabou sendo envolvido por incertezas e rumores após a morte do ator Chadwick Boseman....

Miss Marvel | Matt Lintz é confirmado no elenco da série

Com o seu desenvolvimento já confirmado há alguns meses pela Marvel Studios e o Disney+, a série Miss Marvel continua aos poucos ganhando novidades. E entre elas, a mais...

The Last of Us | HBO dá sinal verde para o desenvolvimento da série

Meses após ganhar os seus primeiros detalhes e notícias sobre o seu desenvolvimento, a série baseada na franquia de games The Last of Us aos poucos segue...