-publicidade-

JOGOS VORAZES – A ESPERANÇA: O FINAL | Elenco fala sobre a parte final da franquia

Já faz cinco anos desde que as filmagens de Jogos Vorazes começaram, e em menos de seis meses a franquia terá o seu fim em A Esperança: o Final. Após o painel na San Diego Comic-Con, o elenco, diretor e produtora participaram de uma coletiva de imprensa. Agora, o site Coming Soon fez uma postagem com o conteúdo que você pode conferir a seguir:

HG CC

P: Esse filme vai finalmente nos trazer o clímax do conflito com o Presidente Snow (interpretado por Donald Sutherland), tanto pela guerra que temos visto, como também na retribuição pelos acontecimentos terríveis, o que é um dos grandes temas nos livros da trilogia Jogos Vorazes. Foi isso que veio em suas mentes enquanto estavam fazendo o filme? Como lidaram com isso, especialmente pensando no público jovem?

Jennifer Lawrence:  Espero que o público jovem pense na guerra. O filme todo é sobre as consequências da guerra e queremos inspirar as pessoas a pensar sobre isso, sobre o que realmente significa.

Josh Hutcherson: Sim, o quão ruim as coisas são ao ir para a guerra e como são fáceis os primeiros passos que levam até ela, inevitavelmente, seguindo por esse caminho.

Francis Lawrence: É muito confuso e complexo e realmente cinza. Ele aborda como nunca é uma decisão fácil, se [a guerra] é necessária ou não.

- publicidade-

Nina Jacobson: A mudança torna-se possível se as pessoas querem segui-la. No primeiro filme, a Capital tinha controle completo sobre os meios de comunicação, e durante a revolução isso muda um pouco, o que acaba sendo importante para o resultado final. Somente através da busca pela verdade nossos personagens criam a mudança, mas não é fácil e os espectadores realmente entendem.

P: E como os personagens, ou até mesmo vocês mudaram, agora que estão do outro lado e podem olhar para trás a partir do final?

Willow Shields: Eu comecei quando tinha 10 anos, não sabia como formar uma frase e até mesmo estava faltando alguns dentes…

- publicidade -

Jacobson: Isso é verdade, você sequer tinha todos eles.

Liam Hemsworth: Eu poderia levá-la para passear como um bebê.

Shields: Foi uma experiência estranha transformá-la a cada ano, mas a evolução do Prim foi incrível de ler nos livros e tentamos retratar da melhor forma que conseguimos. Ela realmente cresceu muito e está realmente lá para Katniss nos dois últimos filmes.

Hemsworth: Considerando Gale, ele está menos focado em Katniss e mais em ganhar a guerra. Muitos coisas aconteceram, isso o deixou mais emocional, com uma grande força de vontade e seu maior instinto é Capital… Ele é um pouco de uma bomba-relógio. Ele e Katniss desenvolveram visões muito diferentes sobre o que é aceitável, certo ou errado.

Lawrence: Para Katniss, por um longo tempo sua vida era uma questão de sobrevivência. Não havia uma esperança crível de revolução no início da história, ela só estava tentando salvar as pessoas que amava. Mas acordar no Distrito 13 mudou as coisas e ela meio que cresceu na posição que ocupa, assumindo assim o controle de seu destino. Isso é algo que eu realmente amo sobre o segundo filme, porque é neste momento que ela toma o poder e decide que quer ser o Tordo.

Jacobson: E que há uma diferença entre ser um guerreiro e ser um símbolo da revolução. Ela pode desistir de ser o Tordo, mas não de ser uma revolucionária.

- publicidade -

Lawrence: Exatamente.

Jogos Vorazes – A Esperança: O Final chega aos cinemas em 20 de novembro de 2015

-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

541,341FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
22SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,443SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: JOGOS VORAZES - A ESPERANÇA: O FINAL | Elenco fala sobre a parte final da franquia

Últimas Postagens