Aslam as crônicas de nárnia
Divulgação

Com o desenvolvimento de novos projetos já anunciado há algum tempo pela Netflix, aos poucos a franquia As Crônicas de Nárnia vai ganhando novidades sobre o seu futuro. E entre elas, a mais recente envolve diretamente os seus bastidores.

Segundo informações do site The Hollywood Reporter, o cineasta Matthew Aldrich, co-roteirista de Viva – A Vida é Uma Festa, foi contratado pela Netflix para trabalhar em sua expansiva adaptação da saga literária de C.S.Lewis.

Aldrich será responsável por supervisionar os diversos projetos envolvendo filmes e séries que estão em desenvolvimento pela empresa. Contudo, vale destacar que ainda não está claro sobre quantos já estão em andamento.

No total, os livros de Narnia já venderam mais de 100 milhões de cópias e foram traduzidos em mais de 47 idiomas em todo o mundo. O acordo marca a primeira vez que os direitos de todos os sete livros do universo de Nárnia foram mantidos pela mesma empresa.

A Netflix anunciou em 2018 um acordo de vários anos com a The C.S. Lewis Company, assumindo assim os próximos lançamentos da história. Todas as séries e filmes produzidos através do acordo serão produções da Netflix, com Mark Gordon, da Entertainment One (eOne), assim como Douglas Gresham e Vincent Sieber atuando como produtores executivos.

Confira também: Titans | Natalie Gumede viverá Mercy Graves na série de TV

As últimas informações sobre As Crônicas De Nárnia indicavam que a franquia pudesse ganhar um filme baseado em A Cadeira de Prata produzido pela Sony Pictures. Além disso, a atriz Millie Bobby Brown (Stranger Things) chegou a ser apontada como a intérprete de Jill Pole.

Joe Johnston estava definido como diretor do projeto, que agora claramente não acontecerá. Contudo, não foi revelado se o mesmo pode vir a fazer parte do programa.

Anteriormente, os 3 longas lançados de As Crônicas de Nárnia arrecadaram juntos US$ 1.5 bilhão mundialmente.

Não deixe de acompanhar todas as notícias diárias sobre filmes, séries e games do Jornada Geek no facebooktwitter e instagram.

publicidade: