-publicidade-

-publicidade-

PATRICK – O DESPERTAR DO MAL | EM DVD / BLU-RAY

Patrick - O Despertar do Mal
Patrick – O Despertar do Mal

O interessante do terror não é apenas o medo, mas a liberdade que ele acaba tendo para desenvolver aspectos sobrenaturais e apresentar situações diversas. Personagens distintos foram criados pelo gênero com o passar dos anos, protagonizando perseguições com grandes variedades em suas abordagens. Norman Bates em Psicose era um perseguidor de hóspedes. Enquanto isso, Michael Myers, Jason e Freddy fizeram sucesso em cima de outros momentos e outro estilo de trama. Com o passar do tempo outros nomes surgiram, criando um destaque não mais tão recente para Samara Morgan. Afinal, em O Chamado 2 a moradora do poço quer mesmo é tomar o lugar de Aidan, tudo para ter uma mãe. No fim, é um grande estilo por possuir diferenças que ainda podem ser retratadas em projetos como Invocação do Mal e Sobrenatural, tudo em busca de um novo caminho. Agora, lembrando situações citadas, chega ao mercado home vídeo o filme Patrick – O Despertar do Mal.

A trama começa de forma misteriosa, apresentando momentos de grande mistério e morte em seu início. Seguindo com o seu projeto, logo o roteiro vai apresentando Kathy, uma jovem enfermeira que está procurando por trabalho. Logo ela encontra o seu lugar em uma afastada clínica psiquiátrica dirigida pelo enigmático Dr. Roget. No local, entre os pacientes está Patrick, tratado pelo médico como cobaia de seus estranhos experimentos sobre a vida e a morte. Quando começa a trabalhar na clínica, a enfermeira fica perturbada com o tratamento e começa a sentir que Patrick está tentando se comunicar com ela. É que Patrick tem poderes psíquicos e consegue mexer em computadores utilizando isso. À medida que a comunicação se intensifica, fatos estranhos e aterradores começam a acontecer. Patrick se afeiçoa a Kathy e seus sentimentos vão se manifestar como uma mortal e sangrenta obsessão.

 Observando pela sinopse não é difícil de reparar que o título é na verdade mais uma composição de perseguição. Entretanto, elementos diferentes para isso são apresentados e poderiam ter sido utilizados de uma forma mais eficiente com a evolução do roteiro. O início é até interessante, com tensões e situações que podem causar grande expectativa, mas logo tudo vai perdendo impacto. Logo tudo acaba se transformando em uma relação de perseguição psíquica, sem qualquer outra presença como nas primeiras cenas. Velhas situações envolvendo segredos vão sendo descobertas, enquanto outras sem entendimento de personagens vão acontecendo. O personagem-título é sim muito poderoso e interessante, mas não é bem desenvolvimento pela trama fraca. A direção é banal no caso, enquanto fotografia e efeitos são insuficientes para causar algum efeito de susto sob o espectador.

Nem mesmo os personagens são bem desenvolvidos para uma boa utilização no decorrer da produção. Não é segredo que Kathy está passando por dificuldades, saindo de um casamento, mas também nada é aprofundado sobre isso. Até existe aquela coadjuvante atirada, mas isso não é mais novidade. Personagens se conhecem, mas histórias não são contadas. Tudo fica girando apenas dentro do hospital ou situações que envolvam os poderes de Patrick. Ele está em todos os lugares, qualquer situação acaba com seu envolvimento, nada mais parece acontecer. Qualquer perfil de personagem é comum dentro da trama, enquanto ela segue estereótipos na maioria do seu tempo. Nem mesmo Charles Dance, o Tywin Lannister, consegue salvar o projeto do comum em boa parte de sua trama.

Com um desenvolvimento muito fraco, apenas nos últimos momentos é que o projeto consegue voltar a buscar a atenção do seu espectador. Contudo, não são situações que demonstrem medo. Na verdade, a tensão cresce e a curiosidade pelo final acaba sendo despertada quando todos entendem os acontecimentos do local. Logo mortes vão acontecendo uma atrás da outra e a compulsão do paciente pela enfermeira fica muito clara. Todo os nomes acabam sendo envolvidos dentro de tal sequência, cada um ganhando um destino. Ao final, a situação em si não é muito interessante. Talvez, se tivessem mantido um aspecto mais fantasmagórico sobre o personagem tudo funcionasse de uma melhor forma. Afinal, é muito mais uma característica do gênero possuir um ser sobrenatural vagando pelos lugares. A verdade é que Patrick – O Despertar do Mal tem um início bom, mas vai sofrendo com o caminho escolhido pelos roteiristas.

Classificação:

Regular

PATRICK - O DESPERTAR DO MAL | EM DVD / BLU-RAY
Marco Victor
Fundador do Jornada Geek, formado em Jornalismo pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (atualmente conhecido como UniAcademia), mas também um grande amante de filmes e antigo frequentador de locadoras. Outras paixões também existentes estão em Séries de TV, HQs, Games e Música. Considera Sons of Anarchy algo inesquecível ao lado de 24 Horas, Vikings e The Big Bang Theory. Espera ansioso por qualquer filme de herói, conseguindo viver em um mundo em que você possa amar Marvel e DC apesar de ter no Batman e As Tartarugas Ninja como os seus heróis favoritos.
- publicidade -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jornada Geek + Lolja

Últimas Notícias