HARRY POTTER E O CÁLICE DE FOGO 1
Harry Potter e o Cálice de Fogo

O ano era 2001, e o mundo mais uma vez estava ansioso para voltar ao mundo mágico que a escritora  J.K. Rowling havia apresentado aos seus leitores. Agora, tudo parecia ficar um pouco mais intenso, pois como a própria autora havia informado, estávamos exatamente no meio de toda a história que ela pretendia contar. Mas, o filme chegou aos cinemas apenas em 2005, porém com a mesma expectativa que girou em torno do seu lançamento em livros, ou até mesmo maior. Afinal, aqui o mal tomaria forma nas telas do cinema.

Hoje vou continuar falando de HARRY POTTER, e o filme dessa vez é O CÁLICE DE FOGO.

Esse é com certeza um filme mais sómbrio que os três primeiros, e a sua narrativa mostra exatamente isso. Dessa vez não começamos a acompanhar Harry logo no começo, mas sim uma casa gigantesca que é vigiada por um senhor de idade que ao ver uma luz acesa acha que são garotos que invadiram novamente a mansão. Ele vai verificar, ver um movimento suspeito e percebe que uma cobra esta passando perto de suas pernas, olha para um cômodo e ver dois homens reverenciando alguem em uma poltrona que vira-se rapidamente e uma luz verde saí de uma varinha.

Harry Potter é acordado por Hermione na casa dos Weasley. A partir daqui voltamos a acompanhar o bruxo novamente. Eles estão indo para algum lugar, no qual o Sr. Weasley não quer revelar, eles chegam em um ponto onde encontram um amigo de Arthur e o seu filho Cedrico Diggory (Robert Pattinson). Todos vão até uma chave de portal e tocam o objeto, quando se dão conta eles estão caindo em um gramado, haviam chegado ao campo da Copa Mundial de Quadribol. Todos vão para o jogo e após o termino quando Fred e George estão brincando com Rony quando explosões começam a acontecer. Eram os comensais da morte que haviam aparecido após tanto tempo. Os seguidores de Lord Voldemort começaram a queimar tudo e as pessoas apavoradas sairam correndo do local, Harry acaba se perdendo e desmaia com uma pancada no rosto, quando acorda vê alguem soltando a marca negra e fugindo.

HARRY POTTER E O CÁLICE DE FOGO 2
Hermione começa a sentir algo por Rony

Quando o Sr Weasley chega ao local Harry conta o que viu e os aurores vão pelo cminho que ele indica. Todos voltam normalmente para Hogwarts e Hermione fala para Potter que ele deve contar o que viu para Sirius. Eles chegam na escola e o diretor Alvo Dumbledore e é anunciado o torneio tribruxo, envolvendo mais duas escolas: Beauxbatons e Durmstrang. Cada uma vai ter um representante. Porém existem regras e menores de 17 anos não podem se escrever no torneio e o sorteio vai ser feito através do Cálice De Fogo, um objeto mágico que escolhe os representantes do torneio. Porém, algo misterioso acontece e após a escolha de Fléur Delacour (Clemence Poésy), Vítor Krum (Stanislav Lanevski), o representante de Hogwarts Cedrico Diggory, o nome de Harry Potter saí misteriosamente do objeto fazendo com que ele seja o quarto escolhido para o evento.

O torneio tribruxo é conhecido no mundo da mágia por ser um camepeonato mágico muito perigoso, foi interrompido uma época porque alguns dos seus participantes chegaram a morrer. Porém, com as novas regras de idade os organizadores acreditavam que nada de mal poderia acontecer, já que os alunos escolhidos eram mais experientes e não alunos que queriam apenas mais um pouco de aventura. A participação de Harry é vista o tempo todo no filme como uma fraude, e o garoto sofre muito com isso, a ponto de discutir com o seu melhor amigo. Potter, porém não tem escolha e vai ter que enfrentar três missões muito perigosas para vencer o torneio.

Harry supera as expectativas e calunias, faz as pazes com Rony e  chega como um dos favoritos para a prova final do torneio. Nessa prova eles vão entrar em um labirinto onde o medo pode ser o seu maior inimigo. Muitas coisas acontecem no labirinto, porém a mais perigosa acontece quando Harry e Cedrico pegam a taça juntos e vão parar em um cemitério. É nesse local que o jovem bruxo vê o mal em pessoa aparecer em sua frente. Alguem morre, Lord Voldemort (Ralph Fiennes) ressurge através de um feitiço ministrado por Rabicho e convoca os seus comensais da morte. Harry consegue escapar, descobrem na escola que existe um comensal infiltrado e Potter termina o ano com a certeza de que tudo mudou.

HARRY POTTER E O CÁLICE DE FOGO 3
Lord Voldemort finalmente aparece

O filme foi muito bem filmado, isso é uma coisa certa para se falar.  Porém, as mudanças mais uma vez incomodam em sua adaptação. Cenas que não existem nos livros foram inseridas e algumas que seriam muito interessantes em ver nas telas foram cortadas. O maior exemplo disso é a única aparição de Sirius Black no filme, sendo que no livro Harry e seu padrinho se encontram várias vezes durante o ano letivo no povoado de Hogsmead. Lógico que existem pontos positivos, e a atuação de Ralph Fiennes como Lord Voldmort, a de Brendan Gleeson, como o novo professor de Defesa Contra as Artes das Trevas, Alastor Moody. Atuações brilhantes e convincentes para os fãs da série. Algo entre Rony e Hermione começa a acontecer e é por vezes engraçado. Se eu for fazer um balanço Harry Potter e o Cálice de Fogo ficou muito interessante mesmo com tantas mudanças. O que é algo bem dificil de se fazer.



Até a próxima resnha.