publicidade:

Como sempre acontece, um dos períodos mais aguardado pelos amantes de séries de TV foi iniciado há algumas semanas. E claro, estou me referindo exatamente a fall season. Com muitos projetos em andamento, alguns já retornam para o seu novo ano, enquanto outros fazem a sua estreia. E um destes destaques, como vem sendo muito noticiado, trata-se da série The Gifted. Cercada por dois extremos: desconfiança e empolgação, o programa ambientado no universo dos X-Men estreou há quase 3 semanas no Brasil e nos EUA recheada de mitologia, abordagens altamente interessantes e alguns plots já desenhados para grandes reviravoltas.

The Gifted imagem promocional da série
Divulgação: Imagem do episódio piloto de The Gifted

Na trama da série, o governo aprovou leis contra o uso dos poderes mutantes. Não é crime ser um, mas usar o seu poder é considerado muito grave. Enquanto isso, os X-Men e a Irmandade estão desparecidos, mas uma resistência foi formada por um grupo vivendo na clandestinidade. Em um primeiro momento, nas busca por salvar a mutante conhecida como Blink, Polaris acaba sendo capturada. Enquanto isso, Reed e Caitlin Strucker enfrentam uma situação delicada ao descobrirem que seus filhos, Lauren e Andy, são na verdade mutantes. A questão é que Reed é um promotor de casos mutantes, podendo ajudar a encontrar Polaris, enquanto o grupo mutante pode ajudar a esconder sua família. E assim, estas duas tramas se cruzam.

O primeiro episódio da nova série nada mais faz do que estabelecer os seus pontos centrais. Tudo vai sendo explicado, abordando novamente os preconceitos já mostrados ao longo dos anos na franquia X-Men nas HQs, animações ou filmes. O interessante mesmo é o encontro das suas tramas, já que envolve personagens diferentes, personalidades distintas e pessoas com suas vidas transformadas. Tudo neste primeiro momento funciona, com a sua narrativa sendo dividida exatamente entre descobertas, fugas, novas interações e experiências entre seus personagens.

Tanto o grupo de mutantes, liderado por Eclipse, Thunderbird, Polaris e Blink, quanto a família Strucker, tem seus dramas e conflitos para serem enfrentados. O que a trama, até o momento, mostrou é que eles podem fazer isso junto. E é exatamente essa amostra de perspectiva que faz com que o seu desenvolver se torne tão natural e interessante. É claro, mudanças nessa construção também devem ser feitas com o tempo, sendo que uma delas já está muito clara e já cria expectativa para os seus acontecimentos.

Outra questão que já ronda a trama, desde o primeiro momento, é a paternidade de Polaris. A personagem é apresentada já grávida, presa, mas ainda não sabe a identidade do seu pai. Esta dualidade envolvendo Magneto, ao que tudo indica, deve chegar em breve. E ela, é claro, já cria expectativas sobre o assunto e em como ele será abordado. Afinal, uma dualidade irá cercar a personagem sobre o caminho a seguir com tal descoberta. E isto é, sem qualquer dúvidas, mais um ponto positivo para o desenvolvimento do programa.

A verdade é que com apenas 2 episódios, a produção em questão já conseguiu criar vários questionamentos e preparar muitos outros mais interessantes do que outros títulos. Ou seja, a promessa de uma excelente trama é altamente instigante ao redor destes personagens. São muitas peças já bem apresentadas, mas com o passado e futuro para serem explorados, podendo desencadear arcos altamente bem desenvolvidos ao longo dos episódios. Outra questão que também pode ser bem explorada é a dos serviços sentinelas, seu papel e essa busca desenfreada por mutantes.

Concluindo, um fato é de que The Gifted deixou os medos para trás. A trama soube explorar seus novos personagens, citando e fazendo referências aos lendários grupos liderados por Xavier e Magneto. Entretanto, tudo isso sem a necessidade da sua presença ou dos mais famosos personagens da franquia mutante. Trata-se exatamente de um programa que pode tirar lições do seu desenvolvimento, explorando aqueles personagens que não ganharam uma chance na tela grande, mas que ainda assim podem ser extremamente interessante. Um título que promete grandes emoções, criando as expectativas necessárias para ser acompanhado de perto como uma das grandes apostas da fall season 2017-2018.

Confira também: THE GIFTED | Confira o vídeo promo do episódio 1.03

O próximo episódio de The Gifted vai ao ar em 16 de outubro nos EUA. Enquanto isso, um dia depois, em 17 de outubro, o canal Fox exibe o mesmo no Brasil.

Não deixe de acompanhar todas as novidades e atualizações diárias do Jornada Geek diariamente no facebooktwitter e instagram.

Comentários: