-publicidade-

EM DVD / BLU-RAY: LINCOLN

Lincoln
Lincoln

Cinebiografias. Essas produções parecem algo tão simples de se fazer, mas poucos notam a verdade: São as mais complicadas. Personagens da ficção podem ser construídos do nada, surgindo através de uma ideia, passando para um papel, desenvolvendo uma trama, chegando ao produtor e diretor, terminando em uma atuação. Não estou dizendo que seja fácil criar tal processo e desenvolver, muito pelo contrário. Contudo, ter como base uma história, um momento marcante, transformar pessoas em personagens, isso sem dúvida é um pouco mais complicado. A exigência por um pesquisa para o seu desenvolvimento, o estudo sobre o momento certo da vida de uma personalidade, a escalação do elenco. Isso tudo, sem dúvida alguma, é ainda mais complicado quando se trata da vida real, mas em Lincoln parece algo tão simples que chega a ser assustador.

Não é um filme sobre a guerra, apesar de ser uma obra que utiliza o contexto como fundo. Algumas pessoas podem ficar decepcionadas por Steven Spielberg não utilizar grandes cenas como fez em Band Of Brothers, The Pacific, e até mesmo em O Resgate do Soldado Ryan, mas o seu objetivo aqui é outro. O diretor utilizou como base o livro Team of Rivals: The Political Genius of Abraham Lincoln, escrito por Doris Kearns Goodwin, para criar sua mais recente obra, mas sabendo selecionar o momento certo; o ano de 1865, último ano  da guerra civil. Era um momento delicado, já que o presidente lincoln estava enfrentando um verdadeiro dilema em sua vida. Para interpretar o protagonista? Ninguém mais, ninguém menos que Daniel Day-Lewis. O ator britânico apresentou mais uma vez uma bela atuação, sempre segura, trabalhada nos últimos detalhes, sendo aclamado e coroado com mais um Oscar, o terceiro como ator príncipal.

A trama começa com um curto texto explicando a Guerra de Secessão e, em seguida, corta para imagens de uma batalha. Depois disso o presidente Lincoln (Daniel Day-Lewis) aparece conversando com soldados negros, sendo questionado em alguns momentos, sempre falando sobre as batalhas e procurando informações com os membros do seu exército. Desde o início do filme fica claro que a trama vai realmente acompanhar o dia-a-dia do presidente; suas decisões e negociações para a aprovação da 13ª emenda à constituição dos EUA. Passada essa primeira apresentação, começa a verdadeira batalha política, mostrando toda a estratégia de Lincoln para moldar sua vitória, mostrando-o também como uma pessoa normal, que tem família e obrigações pessoais. A estória mostra a vida de Abraham, com seus pontos fortes e fracos de forma completamente imparcial, sem engrandecer, nem desfavorecer o que ele significou para a História de seu país.

O roteiro de Lincoln é algo muito bem elaborado, beirando a simplicidade. Tony Kushner e Steven Spielberg tomaram decisões que podem parecer absurdas, mas acertaram em cheio. Nada de batalhas, eles decidiram trabalhar decisões políticas, longe do sangue, mas sempre lembrando delas com alguma fala ou atitude de personagens. Os números de mortos até são citados, mas apenas para se ter uma ideia. A direção de arte e o figurino também souberam aplicar com perfeição tanto os cenários, quanto os figurinos da época. É algo simplesmente incrível, muito bonito de observar. Quanto a trilha sonora? Preciso mesmo comentar sobre John Williams? Ele trabalhou de forma mais simples dessa vez, mas não deixa de ser brilhante nos momentos corretos, com uma trilha dramática na medida certa.

Steven Spielberg é brilhante, isso não é novidade. Contudo, a sua forma de dirigir Lincoln é diferente, muito calma, mas lembra outras de suas obras nos momentos corretos. O diretor mostra cada vez mais a sua capacidade para diversos gêneros, apesar de já consagrado no drama e na ficção. Spielberg é versátil, basta analisar sua filmografia, mas este projeto é especial. Você percebe os cuidados na medida certa durante o filme, sempre tentando mostrar o maior realismo possível. Ele sabe trabalhar a figura do ex-presidente, sem enaltecer completamente, mas também não faz o contrário. Ele mostra as consequências das ações, mas também sempre apresentando um homem, que pode errar. A vontade do diretor para com o projeto nunca foi segredo, mas sua sabedoria para a execução é fantástica em diversos aspectos e momentos.

- publicidade-

É uma produção muito badalada até hoje, mesmo após o seu lançamento em home vídeo. Não deixa de ser um marco para a história do cinema, já que Abraham Lincoln foi realmente importante em diversos aspectos para o povo estadunidense, e também para o mundo. Ele pensava muito adiante, isso é o que o filme retrata em seu decorrer de forma clara e bonita em certos momentos. Ele errou, isso também é mostrado, mas sabia o que estava fazendo. Era um mal necessário, mesmo que isso não seja justificável. Dos aspectos técnicos, nada a reclamar, visto que a produção beira a perfeição em todos os sentidos possíveis.

Foram 12 indicações, mas apenas 2 prêmios vencidos no Oscar 2013. Daniel Day-Lewis era o franco favorito, conseguindo consagrar sua vitória merecida. O ator agora faz parte da história da premiação, sendo o primeiro a alcançar a marca com 3 Oscars na categoria de ator príncipal. Entretanto, mesmo sendo pouco premiado o filme tem um grande valor moral por todos os aspectos abordados, sendo uma produção equilibrada. Souberam aplicar a teoria na prática, mas sem a intenção de criar um novo monumento. Mostrar a verdade independente das consequências, isso sim fez de Lincoln algo memorável. Não é um filme sobre um mito, mas sobre um grande homem.

Concorra ao DVD do filme Lincoln: Clique aqui para saber como participar.

- publicidade -

Classificação:

 pac5 legenda

-publicidade-

Notícias relacionadas

Artigo anteriorA HOSPEDEIRA
Próximo artigoEM DVD / BLU-RAY: DETONA RALPH
EM DVD / BLU-RAY: LINCOLN
Marco Victor
Fundador do Jornada Geek e formado em Jornalismo, mas também um grande amante de filmes e antigo frequentador de locadoras. Outras paixões também existentes estão em Séries de TV, HQs, Games e Música. Considera Sons of Anarchy algo inesquecível ao lado de 24 Horas, Vikings e The Big Bang Theory. Banda preferida? São muitas, mas Slipknot ocupa um lugar especial. Espera ansioso por qualquer filme de herói, conseguindo viver em um mundo em que você possa amar Marvel e DC apesar de ter no Batman e As Tartarugas Ninja como os seus heróis favoritos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

543,334FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
20SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,478SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: EM DVD / BLU-RAY: LINCOLN

Últimas Postagens

Crônicas de Natal 2 | Saiba tudo sobre o filme da Netflix

Com o seu desenvolvimento confirmado há mais de um ano, o filme Crônicas de Natal 2 foi recentemente lançado pela Netflix. E assim, agora...

Novidades na Netflix | Confira a lista com os lançamentos de dezembro

Sempre cercada por novos projetos originais, a Netflix revelou algumas das suas principais adições no catálogo e lançamentos para o mês de dezembro. E entre...

Cyberpunk 2077 ganha novo vídeo com gameplay no Playstation

Inicialmente previsto para ter sido lançado no primeiro semestre de 2020, o jogo Cyberpunk 2077 atualmente está previsto para ser lançado em 10 de dezembro. E...

The Expanse | Série é renovada para a sua 6ª e última temporada

Com a sua 5ª temporada definida para ser lançada em dezembro deste ano, a série The Expanse voltou a ganhar novidades. E antes mesmo...

O Poderoso Chefinho 2 | Assista ao trailer da animação

Com o seu desenvolvimento já anunciado há algum tempo, agora a animação O Poderoso Chefinho 2 voltou a ganhar novidades. E como esperado, a...