-publicidade-

ALIADOS | CRÍTICA

Classificação:
Nota Razoável

Pôster do filme AliadosPolêmicas à parte envolvendo a vida pessoal de um dos seus protagonistas, muito se esperava deste filme de Robert Zemeckis, que juntava na película muito dos ingredientes que o público e a crítica amam: 2ª Guerra Mundial, ação, suspense e romance. Porém, uma premissa tão boa é cercada de expectativa e, não correspondendo à altura está muito mais propenso a sofrer severas críticas. Aliados tem uma produção impecável, atuações que não comprometem, mas é refém de um roteiro viciado, previsível e que se perde na hora de conseguir o equilíbrio entre o romance e os outros elementos da mistura.

Max Vatan (Brad Pitt) é enviado em uma missão de alto risco para eliminar um embaixador alemão em Casablanca, no Marrocos, durante a 2ª Guerra Mundial. Lá ele se encontra com Marianne Beausejour (Marion Cotillard), sua parceira no trabalho. Porém, o que não esperavam é que se apaixonassem perdidamente. Eles se casam e vão morar em Londres, entretanto, Max é informado pelo alto comando britânico que sua esposa pode ser uma espiã alemã. Ele terá que correr contra o tempo parar provar o contrário, ou confrontar a terrível verdade.

Muito se esperava de Aliados, principalmente por ser Steven Knight o roteirista. Ele está em franca ascensão e já foi responsável por grandes roteiros como Coisas Belas e Sujas (2002), Senhores do Crime (2007) e Locke (2013). Além disso, está sendo muito elogiado pela série Taboo, ao ar na BBC. E até consegue uma introdução interessante, dando um toque neo-noir em conjunto com a bela fotografia Don Burguess, e um figurino excepcional (indicado ao Oscar) de Joanna Johnston. Chega mesmo a lembrar um pouco Casablanca (1942), em teor e conteúdo.

Porém, as referências param por aí. Quando o longa se desloca para romance entre Max e Marianne e deixa os outros atributos em segundo plano, percebe-se um enfraquecimento do texto, uma sucessão de clichês retirados de outros filmes, mas não reverenciados e sim tapeados para criar um clima de suspense que não consegue emplacar. A ação em torno de Max e sua busca pela verdade até continua de bom nível, mas é um peso que tende a ser mais forte que a outra vertente, dando um desiquilíbrio que torna o filme um tanto maçante.

Robert Zemeckis mostra experiência em direcionar a câmera para as expressões faciais e corporais dos atores. Consegue manter um bom nível em sua direção, mas sofre pela falta de consistência que se abate sobre o roteiro, e não consegue fazer o trecho final do filme ser impactante como se esperava. Um tanto pelo fato de que a maioria do público certamente tenha resolvido o impasse antes que ele fosse revelado.

- publicidade-

Mesmo não sendo um fato determinante para a qualidade de Aliados, a polêmica em torno do envolvimento de Pitt e Cotillard, que levou o galã a se divorciar de Angelina Jolie, com certeza só ajudou a criar no público uma antipatia preconceituosa. Se tivesse conseguido ter uma qualidade acima da média em sua projeção, talvez até se livraria de uma recepção negativa, mas como não foi o caso, o filme será só mais um na multidão do cinema hollywoodiano.

- publicidade -
- publicidade -
-publicidade-

Notícias relacionadas

Artigo anteriorTONI ERDMANN | CRÍTICA
Próximo artigoLOGAN | CRÍTICA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

543,398FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
20SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,481SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: ALIADOS | CRÍTICA

Últimas Postagens

O Poderoso Chefinho 2 | Assista ao trailer da animação

Com o seu desenvolvimento já anunciado há algum tempo, agora a animação O Poderoso Chefinho 2 voltou a ganhar novidades. E como esperado, a...

Equinox | Netflix divulga trailer e data de estreia da sua nova série dinamarquesa

Com o seu desenvolvimento já confirmado há alguns meses, agora a série Equinox, nova produção dinamarquesa da Netflix baseado no podcast conhecido como Equinox...

355 | Lançamento do filme é adiado para janeiro de 2022

Com o seu desenvolvimento já anunciado há alguns meses o filme 355, que contará com Jessica Chastain como produtora e protagonista, voltou a surgir recentemente na...

Nasce Uma Estrela será exibido na Tela Quente (Relembre o seu sucesso)

Lançado originalmente em 2018, a versão mais recente do clássico Nasce Uma Estrela voltou a ser destaque recentemente na mídia por conta da sua...

Era Uma Vez um Sonho | Conheça o filme da Netflix estrelado por Amy Adams

Com o seu desenvolvimento anunciado há alguns meses, o filme Era Uma Vez Um Sonho foi recentemente lançado pela Netflix. E assim, agora reunimos...