-publicidade-

A QUALQUER CUSTO | CRÍTICA

Classificação:
A QUALQUER CUSTO | CRÍTICA

A QUALQUER CUSTO | CRÍTICASe La La Land – Cantando Estações deu uma injeção no esquecido gênero dos musicais, A Qualquer Custo, filme indicado para quatro Oscar, incluindo melhor filme, traz nova vida ao Western. Mas, não da forma saudosista de filmes como o ótimo remake Bravura Indômita (2010), dos irmãos Coen, mas sim um exemplar moderno e original, mas que se faz valer das mais variadas referências dos mestres do gênero. Além disso, discute temas atuais e se escora na ótima forma do elenco.
Os irmãos Toby (Chris Pine) e Tanner (Ben Foster) estão desesperados para conseguir dinheiro para quitar a hipoteca da fazenda da família, no interior do Texas. Para evitar a perda do imóvel eles armam um plano arriscado: praticar vários assaltos em bancos de pequenas cidades da vizinhança, e, apenas do mesmo banco que está querendo tomar sua fazenda. Entretanto, quando o experiente delegado Marcus Hamilton (Jeff Bridges), as coisas começam a ficar mais difícil do que esperavam.

A trama é tão simples que nem parece que é original. Mas, tudo graças à engenhosidade do roteirista Taylor Sheridan, responsável pelo ótimo Sicário – Terra de Ninguém (2015). Ele simplesmente cria um ambiente contemporâneo e o tempera com o melhor que o western pode oferecer. Existe a ação bem dirigida por David McKenzie, até então discreto realizador de filmes de pequeno porte, e uma certa crítica ao atual momento econômico, em que a crise imobiliária ainda assusta muita gente, dando sentido ao desespero dos irmãos.

Talvez consigamos captar através da fotografia bem arranjada de Gilles Nuttgens algumas referências bem fortes dos faroestes dos tempos áureos, diretores como John Ford, Howard Hawks e Sam Peckimpah. Mas, é nobre ver que existe uma singularidade em A Qualquer Custo que o traz para um patamar que talvez inaugure um novo tipo dentro do próprio gênero. Os homens armados, que valorizam a honra acima de qualquer coisa ainda estão lá, todavia, resida neles o homem atual, aquele que se escora no egocentrismo e defende o seu lado acima de qualquer coisa.

Além de tudo isso, o filme explora demais seus ótimos personagens e suas motivações. Os irmão de Pine e Foster são assombrados pela tal importância da família e honra de se responsabilizar por ela, algo saído do antigo velho oeste. Enquanto Toby é a razão, Tanner é a emoção, mas, ao contrário da maioria das vezes onde um é o bom e o outro o mal, ali ambos são um só, se completando e fazendo de sua missão um ato de sangue e fortalecimento fraternal. Bridges é um show à parte com seu delegado das antigas, um mescla de seu matreiro Rooster Cogburn (Bravura Indômita) e o Ed Bell de Tommy Lee Jones (Onde os Fracos não Têm Vez), cheio de humor em seu “bromance” com seu parceiro meio-índio.

Com uma sequência final espetacular, que traz um tour de force entre Bridges e Pine, em um diálogo de desafio e respeito mútuo, A Qualquer Custo é um filme para quem não gosta do gênero, aprender a gostar. E quem gosta, se deliciar com cada cena que se passa em meio ao cenário poeirento do Texas. Indicado a melhor filme, ator coadjuvante (Bridges), roteiro original e montagem.

- publicidade-
- publicidade -
- publicidade -
-publicidade-

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Siga Nossas Redes Sociais

543,375FansCurtir
31,529SeguidoresSeguir
20SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
20,479SeguidoresSeguir
57InscritosInscrever
publicidade: A QUALQUER CUSTO | CRÍTICA

Últimas Postagens

O Poderoso Chefinho 2 | Assista ao trailer da animação

Com o seu desenvolvimento já anunciado há algum tempo, agora a animação O Poderoso Chefinho 2 voltou a ganhar novidades. E como esperado, a...

Equinox | Netflix divulga trailer e data de estreia da sua nova série dinamarquesa

Com o seu desenvolvimento já confirmado há alguns meses, agora a série Equinox, nova produção dinamarquesa da Netflix baseado no podcast conhecido como Equinox...

355 | Lançamento do filme é adiado para janeiro de 2022

Com o seu desenvolvimento já anunciado há alguns meses o filme 355, que contará com Jessica Chastain como produtora e protagonista, voltou a surgir recentemente na...

Nasce Uma Estrela será exibido na Tela Quente (Relembre o seu sucesso)

Lançado originalmente em 2018, a versão mais recente do clássico Nasce Uma Estrela voltou a ser destaque recentemente na mídia por conta da sua...

Era Uma Vez um Sonho | Conheça o filme da Netflix estrelado por Amy Adams

Com o seu desenvolvimento anunciado há alguns meses, o filme Era Uma Vez Um Sonho foi recentemente lançado pela Netflix. E assim, agora reunimos...