-publicidade-

-publicidade-

OS INOCENTES 1ª TEMPORADA | PIPOCA E NETFLIX

Primeira temporada já está disponível na Netflix.

Imagem da série Os Inocentes
Divulgação

Já possuindo uma extensa lista de projetos originais, a Netflix continua buscando cada vez mais uma grande abrangência dentro do seu catálogo. Com isso, produções de diversos países foram lançadas ao longo dos meses, incluindo sucessos como Dark e The Rain. Outros títulos, é claro, não ganharam tanto destaque, mas agora a estreia de Os Inocentes chega prometendo chamar atenção do público através da sua abordagem recheada por diversas abordagem de grandes mistérios e respostas.

Na trama, quando os adolescentes Harry e June fogem de suas famílias repressoras para ficarem juntos, eles fazem uma descoberta extraordinária: a habilidade de June de mudar de forma. Ainda assim, eles decidem seguir em frente com seus planos, passando pelas mais adversas situações. Contudo, o destino também parece levar June para perto de sua mãe através de um misterioso professor, que por sua vez promete soluções e respostas. Entretanto, nem tudo é o que parece, e logo os dois se veem em uma situação cada vez mais perigosa, com o seu amor testado por diversos limites ao longo das situações.

Através de uma abordagem que inicialmente parece simples, aos poucos a nova série da Netflix vai se desenvolvendo da forma correta. Esta é claramente a impressão passada através da sua abordagem, que por sua vez inicialmente foca principalmente na fuga dos seus protagonistas, além das descobertas que vão sendo feitas. Através disso também, é claro, temos os seus primeiros mistérios através do desenvolvimento de seus personagens e situações que vão passando.

A produção, é claro, merece muito ser justamente destacada por sua qualidade. Mesmo trabalhando com um enquadramento clássico, é exatamente em sua abordagem que ela vai ganhando o espectador, criando um clímax necessário para prender o seu público de forma cada vez mais eficiente.

Outro ponto claramente muito relevante para o projeto é justamente o fato de que, assim como outros títulos de sucesso, a Netflix vem também aproveitando o momento para nos apresentar novos rostos. Ou se não, apenas fazendo alguns já conhecidos ganharem maior destaque. E neste ponto, principalmente para a composição do casal protagonista, a decisão foi certa. Sorcha Groundsell e Percelle Ascott se mostram ao longo das cenas como as escolhas perfeitas para os papéis de June e Harry, principalmente pela química em cena que vai ganhando cada vez mais evidência ao longo dos episódios. Enquanto isso, Guy Pearce serve como um pilar conhecido para a resolução de tantos mistérios.

Uma coisa é certa: as produções originais, não importa de qual estúdio seja, parecem estar precisando mesmo são de abordagens como Dark, The Rain ou Os Inocentes para sair da sua zona de conforto. E claramente é quando isso acontece que temos bons resultados, com tramas instigantes. Cada uma em seu ritmo, claro, mas sempre trabalhando na entrega de algo para o espectador de forma promissora e instigante.

E foi exatamente isso o que aconteceu neste caso, já que a nova produção da Netflix trabalhou claramente no desenvolvimento de um arco com perguntas e respostas. Além disso, é muito interessante também ver como cada um dos seus personagens foram construídos de forma única, até mesmo aqueles que possuem um dom em comum. Os mistérios vão se desenvolvendo corretamente exatamente em cima disso, com o seu final criando soluções, mas também preparando espaço para um novo caminho de mais mistérios e buscas por seus protagonistas. E assim, o nosso desejo é simplesmente de que Os Inocentes consigam seguir em frente, enquanto nós podemos assim acompanhar essa jornada misteriosa de June e Harry por suas vidas e liberdades.

Confira também: OS INOCENTES | Assista ao novo trailer da série produzida pela Netflix

Não deixe de acompanhar todas as notícias diárias sobre filmes, séries e games do Jornada Geek no facebooktwitter e instagram.

OS INOCENTES 1ª TEMPORADA | PIPOCA E NETFLIX
Marco Victor
Fundador do Jornada Geek, formado em Jornalismo pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (atualmente conhecido como UniAcademia), mas também um grande amante de filmes e antigo frequentador de locadoras. Outras paixões também existentes estão em Séries de TV, HQs, Games e Música. Considera Sons of Anarchy algo inesquecível ao lado de 24 Horas, Vikings e The Big Bang Theory. Espera ansioso por qualquer filme de herói, conseguindo viver em um mundo em que você possa amar Marvel e DC apesar de ter no Batman e As Tartarugas Ninja como os seus heróis favoritos.
- publicidade -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jornada Geek + Lolja

Últimas Notícias