Estação Temple imagem da série
Divulgação

Com o seu catálogo em constante expansão há alguns meses, o streaming Globoplay segue investindo em projetos originais brasileiros e também na adição de séries estrangeiras. E entre elas, a mais recente trata-se de Estação Temple. E claro, reunimos alguns detalhes sobre o projeto para você. 

Afinal, qual a trama da série Estação Temple?

Na série, um respeitado cirurgião tem a vida virada do avesso quando acaba absorvido pelo submundo de Londres. Motivado por uma tragédia pessoal envolvendo a sua esposa, Beth (Catherine Mccormack), Daniel (Mark Strong) decide criar uma clínica ilegal pelos túneis subterrâneos da estação Temple, no metrô londrino. Lá, ele atende criminosos e outros pacientes que não podem procurar ajuda em instituições médicas regulares.

Daniel se une ao engenhoso Lee (Daniel Mays) nesta missão e logo Anna (Carice Van Houten) se junta à dupla. Ela é uma pesquisadora médica que carrega muitos segredos e remorsos e cujo passado se entrelaça com o de Daniel e o do ladrão de banco fugitivo Jamie (Tobi King Bakare). Daniel tenta fazer o melhor enquanto os limites da sua moral são desafiados.

Grande elenco faz parte do projeto 

Como já destacado ao longo da sinopse, o elenco de Estação Temple é formado por diversos nomes famosos do cinema. O principal deles, Mark Strong, já esteve envolvido nos últimos anos em títulos como Shazam!, Kingsman, e o indicado ao Oscar 1917

Catherine McCormack também é outro nome de grande destaque do projeto, já tendo participado do filme Coração Valente, e recentemente da série britânica Sherlock.

Outro nome que será facilmente identificado pelos fãs de séries é Carice van Houten, já que a mesma foi a intérprete da personagem Melisandre na série Game of Thrones ao longo dos últimos anos. Além disso, a mesma já participou anteriormente de filmes como Operação Valquíria, estrelado por Tom Cruise, e Repo Men

O restante do elenco principal de Estação Temple, liderados por estes nomes, é formado por Daniel Mays, Tobi King Bakare, Lily Newmark, Chloe Pirrie, Ryan McKen, e Siena Kelly.

Catherine McCormack fala sobre o que podemos esperar de Estação Temple

Em uma recente entrevista cedida pelo Globoplay ao Jornada Geek, a atriz Catherine McCormack falou um pouco sobre a sua personagem, descrevendo um pouco os acontecimentos que envolvem Beth no início da trama:

“Beth é casada com Daniel, o personagem principal da trama. Juntos têm uma filha, Eve. Beth é uma médica-cientista fortemente independente. Quando a conhecemos, ela está tentando encontrar uma cura para uma grave doença da qual padece. Ela mantem sua enfermidade em segredo de sua família e colegas de trabalho, em parte para protegê-los, mas também por acreditar que está muito próxima de encontrar uma cura e, com isso, tem a esperança de que consiga restaurar sua saúde, sem ter que destroçar sua família emocionalmente”.

Quando questionada sobre como definiria o tom narrativo da série, a mesma explicou: 

“É uma ótima história contada de forma brilhante. Há um humor mordaz ali, mas no coração da engrenagem narrativa pulsam personagens motivados por amor. São personagens imperfeitos, falhos, tentando se virar da melhor forma que podem, com as ferramentas que têm nas mãos”.  

Catherine Mccormack Em estação temple
Divulgação

Ainda na mesma ocasião, a atriz foi questionada sobre o que lhe atraiu a fazer parte da série Estação Temple, destacando então que muito dessa vontade veio através do roteiro: 

“Eu conheci o escritor Mark O’Rowe por intermédio do meu parceiro. A obra é bastante difícil de ser classificada em um único gênero, mas o que realmente me encantou na história e no roteiro é o tom sombrio que marca o texto, além dele ser genuinamente engraçado. Eu me peguei rindo alto por diversas vezes durante minha leitura inicial, o que não é óbvio se considerarmos a natureza do conteúdo. E essa incongruência despertou em mim um interesse imediato, além dos personagens serem complexos e muito bem escritos.

O Mark consegue escrever falas incríveis para os menores papéis. Ele oferece a todo o elenco algo estimulante para fazer. Cada personagem nessa série traz consigo uma história excepcional e dilemas inesgotáveis. Cada um é um personagem completo e não apenas uma escada para a trama.

Há uma amizade verdadeiramente cativante entre Jamie e Lee, por exemplo. Jamie é um personagem adorável que está desesperado pra rever sua namorada. A personagem de Wunmi é violenta, mas ao mesmo tempo é uma mulher por quem nutrimos simpatia. Suas ações são motivadas pelo amor que sente por seu filho.”

Questionada ainda se o público irá gostar das questões éticas e morais que são abordadas por Estação Temple, a atriz destacou a mesma como uma obra de entretenimento, mas que também refletiu sobre esse assunto enquanto trabalhava no projeto: 

“A série traz muitos dilemas. Antes de tudo, acredito que ela seja uma grande obra de entretenimento. Não sei dizer se as pessoas irão refletir depois sobre as questões levantadas, mas posso afirmar que, de minha parte, eu certamente me indaguei o que eu faria. E a conclusão à qual cheguei é que não haveria a menor possibilidade de eu agir como o Daniel e a Beth! Estas são situações muito extremas”.

Primeira temporada completa no Globoplay

Funcionando da mesma forma que outras diversas adições recentes ao catálogo da plataforma de streaming, a primeira temporada completa de Estação Temple estará disponível a partir de 30 de abril.

Além disso, é válido destacar também que o projeto foi renovado pela Sky One para a segunda temporada. Entretanto, o novo ano da série ainda não tem uma previsão de estreia. 

Confira o trailer abaixo: 

Confira também: Todas As Mulheres do Mundo | Conheça a nova série brasileira do Globoplay

Não deixe de acompanhar todas as notícias diárias sobre filmes, séries e games do Jornada Geek.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here