11 protagonistas femininas nos games | Geek List

Elas deixaram seu espaço em um ambiente tão intoxicado pelo machismo

publicidade:

No dia 8 de março, anualmente, é celebrado o Dia Internacional da Mulher. A data foi oficializada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1975, embora seja comemorada desde o início do século 20, sendo um dia lembrado para reivindicar igualdade de gênero.

Pensando nisso, a redação do Jornada Geek aproveitou a data e relembrou 11 incríveis protagonistas femininas que marcaram época nos games com essa lista super merecida! Afinal, a gente sabe que os jogos ainda são um local marcado pelo machismo. Você conhece todas as protagonistas da lista? Confira e opine!

1 – Lara Croft

Protagonista de Tomb Raider, uma das franquias mais icônicas dos videogames, Lara Croft é uma mulher que todo gamer conhece. Forte, confiante, independente e corajosa, a exploradora de tumbas mais famosa do mundo dos jogos eletrônicos já protagonizou mais de 20 jogos, estrelou filmes e fez aparições até em turnês musicais do U2 e em comerciais de TV.

Shadow of the Tomb Raider
Lara Croft foi uma das primeiras protagonistas femininas da história dos games (Foto: Reprodução)

2 – Claire Redfield

Claire Redfield, irmã de Chris Redfield, divide as atenções de Resident Evil 2 ao lado de Leon S. Kennedy. Ela é uma das principais personagens da aclamada série Resident Evil e isso se dá pela forma que ela luta pela vida e ainda consegue resgatar uma sobrevivente – Sherry – mesmo com todas as adversidades.

Diferente do irmão, Claire acaba caindo de paraquedas no mundo dos zumbis, mas a sua força de vontade e o carisma ajudam a superar os obstáculos e faz com que cada vez mais os jogadores clamem por mais versões da franquia com aparições dela.

Claire Redfield - Resident Evil 2
Claire é uma das principais atrações de Resident Evil 2 (Foto: Divulgação)

3 – Aloy

A estrela de Horizon Zero Dawn é uma das personagens mais marcantes da história recente dos videogames. Em um mundo recheado de máquinas mortais, a “filha da montanha” quer descobrir a verdade por trás do seu nascimento e o que aconteceu com o mundo em que vive. Para isso, quebra paradigmas e desafia as leis tribais em sua incansável busca.

Horizon Zero Dawn
Aloy mostra a sua força de vontade para encontrar respostas sobre si (Foto: Divulgação)

4 – Bayonetta

Estreando como protagonista no jogo que leva seu nome, Bayonetta rapidamente se tornou um dos ícones da história recente dos videogames. Uma das últimas bruxas umbra, a personagem aniquila seus inimigos com um misto de poderes mágicos, evocações demoníacas e armas de fogo, tudo de maneira que transborda confiança e estilo, ressaltando sua personalidade corajosa e independente, ainda que com um grande instinto de proteger os mais fracos e quem lhe é importante. Suas últimas aparições foram nas arenas do popular Super Smash Bros. Ultimate.

Bayonetta
A bruxa Bayonetta é uma das protagonistas mais marcantes (Foto: Divulgação)

5 – Yuna

Yuna, a principal protagonista de Final Fantasy X-2, é uma daquelas personagens que marcou época na franquia que já completou mais de 30 anos. A summoner, responsável por salvar o mundo de Spira em Final Fantasy X, retornou com a missão de revelar o que aconteceu com Tidus após a batalha final no primeiro jogo. Ao lado de Rikku e Paine, fez parte do único game da franquia com protagonistas exclusivamente femininas.

Yuna - Dissidia Final Fantasy NT
A summoner Yuna, responsável por salvar Spira de Sin em Final Fantasy X (Foto: Divulgação)

6 – Samus Aran

Sabe aquela cena em E.T.: O extraterrestre (1982) quando, no último momento possível, as bicicletas decolam para que os garotos escapem dos federais? Imagine a sensação de surpresa absoluta daqueles que estavam na estreia do filme nos cinemas à época. É esse tipo de surpresa que Metroid (NES, 1986) causou nos jogadores ao revelar, só no final, que a protagonista era uma mulher, Samus Aran.

A solitária caçadora de recompensas começava sua primeira aventura com uma robusta armadura, e logo os jogadores pensavam que se tratava de algum tipo de astronauta ou guerreiro intergalático. Acertaram no guerreiro, mas erraram o gênero. Samus, sozinha, explora o espaço e enfrenta hordas de inimigos – sejam piratas espaciais, sejam criaturas hostis dos planetas nos quais pisa – além de demonstrar um lado maternal ao “adotar” a última criatura de uma espécie, o Metroid. Sua aparição mais recente estrelando um jogo foi em Metroid: Samus Returns, um excelente game para o Nintendo 3DS.

Samus Aran - Metroid
Samus Aran foi uma das primeiras protagonistas femininas a não ter apelo sexual em um jogo eletrônico (Arte: Wallpaperstock)

7- Max

A estrela do primeiro Life is Strange é Max Caulfield, uma adolescente tímida que descobre ter o poder de voltar no tempo. Nos cinco episódios da história do game, Max é obrigada a crescer antes da hora e a tomar decisões, literalmente, de vida ou morte.

Max Caulfield - Life is Strange
A protagonista de Life is Strange tem o poder de voltar no tempo (Foto: Divulgação)

8 – Senua

Em uma era de fortes mulheres como protagonistas, Senua merece especial destaque. Hellblade: Senua’s Sacrifice é mais que um game, é um estudo de personagem com doenças mentais e psicose. Senua é uma guerreira Celta cuja terra natal foi invadida pelos Vikings e que teve seu noivo morto durante o evento. Traumatizada, ela embarca numa jornada para salvar a alma de seu amado, que não teve uma cerimônia de passagem. Para isso, deve chegar até Hel, o submundo dos deuses nórdicos, onde poderá liberar a alma e dar descanso eterno a seu noivo.

Alucinações frequentes e diversas ilusões mostram que Senua está nos primeiros estágios de psicose. Ao jogar, principalmente com um bom fone de ouvidos, ouvimos as diversas vozes que se manifestam pela cabeça da moça. Muito do que vemos nas florestas pode ser fruto de sua imaginação, e nós experimentamos esse mundo cada vez mais à medida que sua sanidade se fragmenta. A atriz que interpreta Senua, Melina Juergens, ganhou o prêmio do The Game Awards 2017 na categoria Melhor Interpretação com muita justiça! Ao contrário de muitos personagens, Senua demonstra ser frágil e insegura. Contudo, sua maior força está na resiliência e na perseverança, que fazem dela uma sobrevivente.

Hellblade: Senua’s Sacrifice
Senua é uma personagem que sofre de psicose, e isso é muito bem explorado em Hellblade: Senua’s Sacrifice (Foto: Divulgação)

9 – Madeline

Se existe uma palavra para definir Madeline, a protagonista do excelente Celeste, é determinação. Em sua jornada para escalar a Montanha Celeste, a protagonista encontra diversas adversidades, mas também busca em si mesma força para superar todas essas questões, em especial a depressão da personagem.

Madeline - Celeste
A perseverança de Madeline para escalara a montanha Celeste chama atenção (Foto: Divulgação)

10 – Clementine

Estrela da franquia The Walking Dead, da Telltale Games, Clementine precisou crescer em meio ao apocalipse zumbi e mostrar a sua força. Protagonista da segunda e da última temporada do jogo, é notório como a personagem se desenvolveu e se adaptou ao mundo de zumbis do game. Ela também descobriu seu lado materno ao se tornar responsável por AJ, garoto que ela viu nascer no primeiro game da série.

The Walking Dead: The Final Season
Clementine, a principal personagem da Telltale Games (Foto: Reprodução)

11. Athena

Protagonista de seu próprio jogo em 1986, uma época em que as mulheres eram praticamente sempre retratadas como donzelas em perigo, a princesa Athena, inspirada na deusa de mesmo nome, fez história nos árcades, enfrentando hordas de monstros usando suas armas mitológicas. Até os dias de hoje, a personagem retém grande importância, sendo representada por sua descendente Athena Asamiya, a extremamente popular lutadora da série The King of Fighters.

Athena
A princesa Athena foi uma das primeiras mulheres a protagonizarem jogos (Foto: Divulgação)

Menção honrosa – Ellie

Nós não poderíamos terminar o texto sem citar Ellie, a futura protagonista de The Last of Us: Part II. Embora ainda não saibamos como ela se portará no novo jogo da Naughty Dog, toda a experiência que vivemos com ao lado dela em The Last of Us e controlando ela em The Last of Us: Left Behind nos mostram toda a sua força e nos fazem crer que ela estará ainda mais preparada no novo game.

The Last of Us Part II
Ellie, a futura protagonista do aguardado The Last of Us Part II (Foto: Divulgação)

Claro que existem diversas outras mulheres marcantes nos games e essa lista poderia ter facilmente uma parte 2. Aqui, tentamos colocar uma por franquia. Como falar de Resident Evil e não lembrar de Jill Valentine, ou de Final Fantasy e não se lembrar de Lightning e Terra?

Quem sabe com as sugestões de vocês a gente não escreve um pouquinho mais sobre isso? Quem ficou de fora? Alguém entrou e não merecia estar aqui? Deixe sua opinião nos comentários!

Não deixe de acompanhar todas as novidades e atualizações diárias do Jornada Geek diariamente no facebooktwitter e instagram.

*Também contribuíram para a elaboração dessa lista os redatores Carlos Maestre, Francesco Beghelli e João Gabriel.

Comentários: